AventureBoxExplore
Create your account

Lendas Serra da Cantareira

@elasoutdoorsp uma lenda diferente sobre algum lugar incrível.

Um verdadeiro paraíso há apenas dois passos da ‘Paulicéia Desvairada’

Localizada ao norte da cidade de São Paulo, com 64 800 hectares de área, abrange os municípios de São Paulo, Guarulhos, Mairiporã e Caieiras, separados pela Serra da Pirucaia.

Declarada pela UNESCO (1994) como parte da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da cidade de São Paulo, a Serra é uma grande atração turística com parques, trilhas, cachoeiras e construções históricas.


“Coração” da selva de pedra


Em 1986 grande parte da região passou a integrar o Parque Estadual da Cantareira.

Sua encosta sul pertence ao Parque Estadual da Cantareira, reserva possuidora de 7.916 hectares e foi criado há muitos anos com o intuito de recuperar a Mata Atlântica e proteger os mananciais, seriamente ameaçados pelas fazendas de café e cana-de-açúcar que ocupavam a região.


O Parque que abrange uma parte da Serra da Cantareira é dividido em quatro Núcleos: Pedra Grande

Engordador

Águas Claras

Cabuçu.


Origem do nome

Diz a lenda que a Serra recebeu o nome de Cantareira por causa da grande quantidade de nascentes e córregos encontrados na região.

Os tropeiros que faziam o comércio entre São Paulo e as outras regiões do país (principalmente Minas Gerais), nos Séculos XVI e XVII se deslocavam por meio de carretas puxadas por equimos e muares, costumavam armazenar água em jarros de barro, chamados cântaros.

Esses jarros eram guardados em um suporte chamado Cantareira. Daí teria surgido o nome Serra da Cantareira.

Mas há controvérsia! Uma outra corrente diz que o nome foi dado à Serra por causa dos trabalhos feitos com pedras que são muito comuns na região, cujo nome é cantaria.


Núcleo Engordador

A portaria do Núcleo do Engordador está localizada a aproximadamente 10Km do Núcleo da Pedra Grande.

O nome deve-se ao fato de existir na região vários córregos e riachos que, ao desaguarem no leito do rio, “engordavam-no” com suas águas.

Daí surgiu o nome do rio e do Núcleo.

Núcleo Cabuçu

O Núcleo Cabuçu, aberto para visitação em 2008, fica na cidade de Guarulhos e, segundo a Luciana Reis, é super limpo e organizado.

Há duas explicações para o nome do Núcleo, a primeira diz que o nome teve origem na lingua tupi guarani (Caba=Vespa e Açu=Grande) e refere-se a uma espécie de vespa encontrada na região e a outra seria por causa de uma árvore chamada Cabuçu (Miconiacabussu) que também é largamente encontrada na região.


Curiosidades


Grande parte da floresta nativa foi desmatada por conta do cultivo de café, erva mate e cana de açúcar.

Como os fazendeiros buscavam mais terras para plantar café, chá ou cana-de-açúcar, o desmatamento na serra cresceu bastante até o final do século XIX, quando o governo estadual resolveu agir, desapropriando fazendas para proteger as nascentes ou riachos que abasteciam a cidade

Por conta de problemas de abastecimento, uma estação teve que ser desenvolvida e para esta construção, foi necessária a criação de uma linha férrea chamada “Tramway Cantareira”.

O trenzinho da cantareira foi imortalizado por Adoniran Barbosa, na canção “Trem das Onze”

Elas Outdoor Sp

Elas Outdoor Sp

São Paulo

Rox
1064

Relatos e dicas de mulheres apaixonadas pelo esporte outdoor ♀️⛰🏕🏄🏽‍♀🧗🏻‍♀🚴🏾‍♀🚣🏿‍♀ Instagram: @elasoutdoorsp 🔰 Desde 03/2020

Adventures Map
linktr.ee/elasoutdoosp

43 Posts

See More

111 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Renan Cavichi, Bruna Fávaro and 396 others support the Minimum Impact Manifest


Together
Inclusive Adventures
Rox

Bruno Negreiros, Renan Cavichi and 150 others support the Together page.