AventureBoxExplore
Create your account

Eu surtei quando vi o Cipó em chamas

Um relato sobre o Incêndio no Cipó e o que vi no dia que fui levar umas doações para as brigadas

Luiz Gadetto
Luiz Gadetto 10/05/2020 15:40

Texto retirado do post original no meu instagram @luizgadetto

SURTEI! Olá amigos, hoje (04/10) tem sido um dia muito difícil para todos que de alguma forma tem alguma história com o Parque Nacional da Serra do Cipó.

No sábado (03/10) eu surtei ao ver o Cipó se transformando em cinzas, tive um choque quando retornava da região de Conceição de Mato Dento no fim da tarde, no retorno na região do Alto Palácio a visão era de entristecer, o Cipó estava iluminado pelas labaredas que cortavam o horizonte de leste a oeste, era uma imagem estarrecedora.

Continuei dirigindo no sentido ao fogo, meu coração palpitava, até que cheguei em frente à Sede Alto Palácio, vazia, sem nenhum guarda parque, TODOS estavam empenhados no combate contra o inimigo implacável que está assolando o Espinhaço, me senti impotente, e veio uma dor muito forte no peito, continuei dirigindo, mas quando virei a curva que dá para o Juquinha da Serra, não aguentei com o impacto da visão, a linha de fogo que lambia o Cipó estava nítida e notei o tamanho do estrago, não consegui continuar, parei no Juquinha e naquele momento desabei, saí do carro para contemplar o terror e fiquei alguns minutos parado tentando me recuperar do impacto.

Prossegui e a cada curva, mais perto estava da destruição do Cipó, chegando na região da Pedra do Elefante dava para observar labaredas gigantescas se aproximando das casas e pousadas, daí me toquei no tamanho e na realidade da destruição, o incêndio estava entrando em nível catastrófico.

A foto acima não é minha, se souberem o autor, gentileza comentarem.


Chegando no lugarejo da Serra do Cipó, fiquei perplexo, os bares lotados, pessoas se divertindo sob um ambiente enfumaçado e tomado pelo cheiro das queimadas, não acreditei no que via, daí veio a revolta.

Já em casa cai em depressão em ver as imagens atualizadas dos satélites e passei uma das piores noites da minha vida, estava em casa desesperado por não poder fazer nada.

Hoje pela manhã (domingo 04/10) acordei com a revolta, e meu domingo foi angustiante, mas também de muita conversa com amigos que ajudaram muito a me recompor.

Agora enquanto escrevo esse texto, após um cochilo vencido pelo cansaço, acordei mais reconfortado e ciente de minha missão, a partir de agora, vou mostrar no meu feed, os momentos felizes que o Cipó me proporcionou nesses anos como guia dessas terras de campos rupestres, cachoeiras e montanhas cheias de vida e beleza.
Essa é minha missão, manter as recordações de um Cipó que se transformou em cinzas, mas que tem em suas raízes o fogo que dá vida ao Espinhaço!

Embora a destruição seja incalculável e a recuperação total talvez seja impossível, o Cipó há de renascer, e cabe a todos nós trabalhar nessa recuperação.

Peço desculpas pelas mensagens duras que postei no dia de ontem para hoje, embora tenham sido para impactar e tentar acordar as pessoas para a realidade mórbida que assola o meio ambiente do país, sei que afetou algumas pessoas, e se minhas palavras te ofenderam deixo aqui esse pedido de desculpas.

E por fim, deixo o pedido a todos que chegaram até aqui, NÃO DEIXEM DESTRUIREM NOSSOS BIOMAS, os incêndios nas unidades de conservação do país estão acontecendo de uma maneira sem precedentes, e se nós, sociedade, eleitores, pessoas comum, deixarmos do jeito que está, o futuro ambiental do Brasil será catastrófico.


Manifeste-se da sua forma, mostre que você não está satisfeito, exija medidas de proteção da natureza aos nossos governantes.

Sigo em luto pelo Espinhaço e por toda natureza do país, e dedicarei toda minha força ao Parque Nacional da Serra do Cipó e todas as demais unidades que contemplam a Serra do Espinhaço, para que eles voltem a florescer.

Deixo aqui os parabéns a todos que estão empenhados nesse combate, aos funcionários, colaboradores e moradores do Parna Cipó e região, aos bombeiros, aos voluntários, a todos que estão atuando noite e dia para tentar salvar a APA Morro da Pedreira!

Foto de capa foi tirada pelo Rodrigo de Jesus, voluntário de brigada em ação no combate do final de semana.

Texto retirado do post original no meu instagram @luizgadetto

8
Bruno Negreiros
Bruno Negreiros 10/05/2020 15:45

Gadetto, obrigado por tudo, tenho conversado com você desde aquela live da Mantiqueira. Vejo em você um cara realmente apaixonado pelo que faz, mas também muito humilde. Parabéns, você é o cara.

Luiz Gadetto
Luiz Gadetto 10/05/2020 15:45

Não passa de minha obrigação como guia e amante dos lugares que ando e tenho o prazer de conduzir pessoas. Obrigado pelas palavras Bruno.

Bruno Negreiros
Bruno Negreiros 10/05/2020 15:45

E Obrigado por sempre estar disponível para ensinar, educar e conversar!

Bruno Negreiros
Bruno Negreiros 10/05/2020 15:47

Uma obrigação de olhos abertos. Sabemos que a destruição é um projeto de poder. Nem todos têm coragem de abrir os olhos das pessoas pq só as enxergam como clientes ou promotores de likes. Como já te disse, aprendo muito com os seus exemplos.

Luiz Gadetto
Luiz Gadetto 10/05/2020 15:50

Camarada, o meio do turismo é podre, desde a pandemia tenho ficado desanimado em voltar a guiar, mas sei que se não fizer minha parte estarei levantando uma bandeira branca para esse projeto de poder que você mencionou. Se minhas palavras de alguma forma ajudar que seja uma pessoa a abrir os olhos, eu já estou satisfeito. Tamo junto Zé!

Felipe Meira
Felipe Meira 10/05/2020 20:49

Este ano os incêndios estão catastróficos para todo o país, mas ver nossa serra do Espinhaço em chamas é realmente desolador. Por aqui me coloquei a disposição da UC para o que eu poder ajudar, que seja levar água aos guerreiros que enfrentam as chamas de frente. Você está de parabéns Gadetto em mostrar sua indignação, isto ajuda a outros não normalizar a situação.

Luiz Gadetto
Luiz Gadetto 10/05/2020 20:53

Bacana demais Felipe, no sábado fui levar suprimentos, levei bastante coisa, como tinha muita coisa no cipó, juntei o que cabia no meu carro e levei pra tabuleiro por conta própria, por coincidência, foi de grande valia para as brigadas da região, e no retorno tive a visão que relatei.

Peter Tofte
Peter Tofte 10/08/2020 12:49

Lamentável! Fiquei triste e impressionado com o relato de que as pessoas bebiam e se divertiam em meio a fumaça. Hedonismo sem limites, sem noção. Espero que as chuvas não tardem na região e que a mobilização seja suficiente para controlar o fogo o mais rápido possível. Mas infelizmente um bom dano já está feito.

Luiz Gadetto

Luiz Gadetto

Belo Horizonte - MG

Rox
219

Guia de trekking e expedições e fundador da empresa Vara Mato

Adventures Map
varamato.com.br

2 Posts


427 Following