AventureBoxExplore
Sign Up

Prateleiras - Escalada Tradicional (com vídeo)

Face Norte do Pico Prateleiras com amigos: Celio Vong, Marcelo Franco, Henrique Boney e meu marido Samuel Gonçalves

Climb Mountaineering Hiking

Elevação: 2548 m

"A trilha do norte é o caminho mais difícil para chegar ao cume, mas é mais bonito do que o caminho do sul. Para chegar até aqui, pegue a trilha da esquerda passando em frente ao maciço e, a trilha está sob alguns grandes blocos suspensos também. Pedra assentada está no lado esquerdo dessa trilha. "- Summitpost.org

Pela segunda vez ao ano e a segunda vez no Pico Prateleiras, tive a oportunidade muito especial de subir o Pico pela sua face Norte, até então uma rota mais técnica que exige um pouco mais de preparação para famosas "chaminés".

Esse ato só foi possível com  time completo: Marcelo Franco (GPM), Célio Vong e nós Adriane , Samuel e Henrique Boney.

 Da esquerda: Samel, Eu, Marcelo, Célio e Boney.

Vale lembrar que para esse tipo de ascensão é preciso registrar na portaria os itens/equipos como :  caideirinha, mosquetão, fitas e cordas. Na base do Prateleiras realizamos o procedimento de encordamento, também usado em travessias / trajetos em glaciares, o principal motivo é a segurança no inicio da subida. 

Franco, instrutor de escalada do Grupo Paulista de Montanhismo, pessoal altamente responsável e de grande capacidade técnica conduziu a saída e começamos a subida já demonstrando ser desafiadora pelas grandes rochas que exigia uma jogada de contra peso e força para alcançar certos "degraus".

 

Depois desse trecho dos deparamos com o maior desafio , o "Cavalinho", nesse ponto foi preciso fazer a segurança do ponto acima, onde todos subimos com nó 8 na cadeirinha e Samuel e Célio ajudando na segurança, confesso que pra mim foi um pouco hard, mas todos conseguiram passar com exito. 

Estavamos quase prontos para chegar ao cume pela sua destemida face norte só nos faltava então mais uma "Chaminé"e pronto. Atravessamos uma fenda cheia de lacas nem todas muito firmes. Nesse ponto içamos as mochilas para fazer a subida mais a vontade.

Logo após a chaminé fomos conduzidos ao último ponto da escalada encordados.

Desse ponto já é possível ver as pessoas chegando ao cume vindos da Face Sul, e você um dos únicos a surgir pela face norte, foi um sentimento muito glorioso.

Na foto abaixo, registrada pelo Celio Vong, tentei indicar da onde saímos!!!.

Chegando ao cume, Samuel foi sua primeira vez, todos já haviam estado lá em outra ocasião. Célio e Samuel realizaram a descida por Rapel, como podemos ver nas fotos a seguir. Eu, Boney e Marcelo optamos por descer pela face Sul, Marcelo seria a primeira vez pela face Sul, eu e Boney abortamos o rapel por precaução, a descida negativa exigia um pouco mais de experiência, tanto que na foto podemos ver o Samuel descendo com a mochila preso a um mosquetão e ao loop de sua cadeirinha. 

Foi um dia de muito aprendizado e experiências e foi um presente para mim trilhar/ escalar com essas pessoas incríveis,eu diria que tive sorte rsrs .

Confira mais fotos e vídeos que foram feitos nesse dia!.

 

Dri @Drilify
Dri @Drilify

Published on 05/31/2018 14:53

Performed on 05/06/2018

1 Participant

Henrique Boney

Views

2264

Dri @Drilify

Dri @Drilify

São Paulo

Rox
1161

Adriane Ferreira 27 y, montanhista, trilheira e artista. 🎨 IG @drilifyArt

Adventures Map
drilifyart.com.br

2 Posts

Dri @Drilify E-BOOK PARA COLORIR
Dri @Drilify O Que Você Sabe Sobre O Lobo-Guará?

537 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Ana Retore, Bruno Negreiros and 310 others support the Minimum Impact Manifest