AventureBoxExplore
Create your account
Jalapão em Imagens - Tocantins

Jalapão em Imagens - Tocantins

Viagem de 5 dias com um 4x4 pela região do Jalapão, no Tocantins

4 x 4 Off-Roading Waterfall

Conhecer a região do Jalapão fez parte de uma viagem de 30 dias pela região central do país. Estivemos por lá partindo de Palmas e contratamos a agência do Márcio (contatos no final) para nos levar.

Ele nos buscou no hotel em Palmas e o pacote que fechamos com ele incluía o carro 4x4, a direção dele, as hospedagens e alimentação completa (sem bebida) durante os cinco dias de viagem.

Dia 7/6/2016

Taquaruçu

A viagem começou em direção à cidade de Taquaruçu, que é um distrito de Palmas e está

localizada perto da Serra do Carmo, então possui um clima mais ameno do que a calorenta capital.

Lá conhecemos a cachoeira do Escorrega Macaco e também a das Araras. Nessa última, conh

ecemos a dona Estésia, mineira que vive ali já há muito e nos serviu um biscoitinho de amendoim que está no meu paladar até hoje!

De lá partimos sentido Ponte Alta do Tocantins. A estrada era bem esburacada, com gigantescas plantações de milho nos terrenos que cortava. Percebe-se com muita clareza a deterioração das áreas de cerrado por conta também das inúmeras queimadas que vimos pelo caminho. Chegamos por lá apenas no fim da tarde.

Dia 8/6/2016

Ponte Alta do Tocantins

Pela manhã visitamos a belíssima Lagoa do Japonês. Nunca havia visto água tão transparente e verde como a dessa lagoa. Realmente é um lugar imperdível.

Lagoa do Japonês

Na parte da tarde conhecemos a região da Pedra Furada. O sol do entardecer refletindo na rocha fazia-a parecer ferver.

De lá, seguimos para a cidade de Mateiros, onde passamos a noite.

Dia 9/6/2016

Mateiros

É aqui onde estão os pontos mais turísticos da região. Começamos o dia visitando uma cachoeira assoreada que caba formando uma espécie de “caverna”, chamada Sussuapara. De lá, seguimos para a cachoeira do Lajeado.

No caminho, por muitos momentos avista-se a Serra Geral do Tocantins, bastante bonita e que serve de plano de fundo para muitas imagens que se têm do Jalapão.

Passamos também pela Cachoeira da Velha. Lugar bastante bonito, uma vez que a cachoeira é enorme e tem como fundo a Serra da Jalapinha. Aqui não é muito aconselhável banhar-se... a correnteza é realmente forte.

Cachoeira da Velha

Dali seguimos para a prainha do Rio Novo, onde então ficamos aproveitando bastante a água cristalina com inúmeros peixes, alguns até bastante grandes.

Para fechar o dia, que foi bastante corrido, fomos avistar o pôr do sol nas dunas. Infelizmente, uma queimada na região gerou uma fumaça que envolveu toda a luz desse momento tão bonito.

Antes de voltarmos para a mesma pousada em Mateiros, ainda passamos no bar da Dona Benita para tomarmos uma cachaça “jalapa”. Trata-se de uma pinga à base de batata, avermelhada, bem tradicional na região. A Dona Benita jura por tudo que foi rejuvenescida por tomar essa cachaça! Ela mostrou fotos antigas e, realmente, ela está bem melhor hoje em dia.... Vai saber! :D

Dia 10/6/2016

São Felix do Tocantins

Esse foi o dia dos tão aguardados fervedouros!

Começamos o dia no fervedouro do Buriti, que deve ser o mais frequentado da região, apesar de estarmos apenas nós lá quando chegamos. Não é muito grande, mas a sensação de entrar pela primeira vez em um deles é sensacional!

De lá, conhecemos a comunidade quilombola Mumbuca e compramos alguns artesanatos feitos de capim dourado, muito típicos da região.

Ainda pela manhã passamos em outro fervedouro: o Buritizinho. Muito pequeno, não é imperdível.

À tarde, conhecemos também o clássico rio Formiga e a cachoeira que ele forma: não tem como ir pro Jalapão e não conhecer essa cachoeira!

Cachoeira da Formiga

Jantamos já na cidade de São Felix do Tocantins, no restaurante do fervedouro Bela Vista, onde o Seu Gesimar e a Dona Imelda nos serviram um prato regado de cuidados e carinhos. Uma delícia: peixe caranha, arroz, feijão, abóbora, salada, mandioca e ainda um doce de leite caseiro para fechar. Inesquecível!

Sem dúvida, o melhor dia da viagem!

Dia 11/07/2016

De volta para Palmas

Cedinho conhecemos o fervedouro Bela Vista, que é enorme e muito bem estruturado.

Fervedouro Bela Vista

Pela estrada, avistamos uma formação rochosa chamada “Serra da Catedral”, mas não subimos em seu topo. Paramos em um local chamado Jalapão Eco Lodge, porque o Márcio, da agência queria conhecer por lá. Trata-se de uma pousada que oferece algumas opções de atividades, como rafting, por exemplo. Almoçamos por ali e então seguimos direto até Palmas.

PRÓS

- Belezas únicas e muito próprias do lugar;

- Fervedouros são imperdíveis;

- A vegetação surgindo em meio à terra seca é quase uma lição de vida;

- Poucos turistas no período em que fomos;

- A cor da água é surreal;

- O pôr do sol é sempre incrível e diferente a cada dia;

CONTRA

- Tudo é longe. Foi uma viagem cansativa. Alguns dias passávamos mais dentro do carro do que visitando os lugares.

- Ir sem guia não é exatamente arriscado. Você precisa, de verdade, ter um carro 4x4 em boas condições e ter as rotas traçadas previamente num bom gps. Os locais (e outros guias) se incomodam em dar informações, ou muitas vezes nem sabem. Há muitos campings no caminho.

- Tudo é pago no dinheiro.

Contatos da agência que contratamos:

Jalapão Total Ecotur (Márcio)

Telefone: 63 98484-9595

E-mail: jalapaototal@gmail.com

Bruna Fávaro
Bruna Fávaro

Published on 04/06/2017 20:02

Performed from 07/07/2016 to 07/11/2016

1 Participant

Sara Kang

Views

5637

16
Bruna Fávaro
Bruna Fávaro 04/22/2017 18:14

Oi, Peter, não porque fizemos no esquema agência. Não tínhamos um carro, nem experiência com direção 4x4, e saía mais caro alugar um em Palmas do que contratar uma agência. Mas olha, ir sozinho, de bike, é uma experiência que fiquei querendo muito ter.

Bruna Fávaro
Bruna Fávaro 04/22/2017 18:14

Oi Paulo! Foi em julho de 2016! ;)

Bruna Fávaro
Bruna Fávaro 04/22/2017 18:14

Edson, nem me fale! Fiquei com essa vontade também. Deve ser show - e bem perrengue - pedalar por ali.

Angelo de Queiroz
Angelo de Queiroz 05/09/2017 23:56

Bruna, suas fotos estão sensacionais

Carlos Araújo
Carlos Araújo 05/17/2017 20:19

Saudades do Jalapão!! eu quero voltar!! Mas para subir a Serra do Espírito Santo e, tbm, partindo de Palmas, ir para a Chapada das Mesas, que é perto.

Tiago Oliveira
Tiago Oliveira 09/20/2018 11:23

qual o nome do lugar onde tem uma "praia de rio" ? (um rio raso e verde com uma areia bem clarinha)

Bruna Fávaro
Bruna Fávaro 09/21/2018 07:42

Oi, Tiago!! Beleza? Esse lugar leva o nome de "Prainha do Rio Novo". Estive nela no mesmo dia em que passei pela cachoeira da Velha e a do Lajeado, então deve ser próxima a esses lugares. Não tenho muitas anotações desse dia, desculpe!

Tiago Oliveira
Tiago Oliveira 09/26/2018 14:14

Bruna, muito obrigado.

Bruna Fávaro

Bruna Fávaro

São Paulo

Rox
2630

Montanhista, ciclo-mochila-viajante, professora e de bem com a vida!

Adventures Map
facebook.com/bruna.favarosilvio

1 Posts


3728 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Renan Cavichi, Bruna Fávaro and 394 others support the Minimum Impact Manifest


Together
Inclusive Adventures
Rox

Renan Cavichi, Fabio Fliess and 149 others support the Together page.