AventureBoxExplore
Create your account
Pedra Aguda

Pedra Aguda

Evento com acampamento no Refúgio Pedra Aguda e ataque aos Picos da Pedra Aguda e Mundo Novo (Relato: Bruno Negreiros)

Mountaineering Hiking

Evento: Pedra Aguda
Data: 12 a 13/10/2019
Local: Refúgio Pedra Aguda, Bom Jardim, Nova Friburgo.
Atividade: Camping com duas trilhas, rapel e escalada.
Participantes: 18 pessoas.
Transporte: Van de 15 lugares (Beto) + Carro extra (Negreiros)
Hospedagem: Refúgio Pedra Aguda

RELATO

Dia 1 - 12/10/2019

Saímos do Rio de Janeiro por volta das 3:00 da manhã. Negreiros pediu para adiantar a saída pensando em ter uma margem de erro melhor para chegar no camping, tomar café com tranquilidade e retornar antes do fim do almoço. A viagem estava ocorrendo com tranquilidade até chegarmos no pé da Serra de Guapimirim e descobrirmos que a estrada estava fechada por conta de uma queda de barreira. Tivemos que retornar e subir por Teresópolis, aumentando consideravelmente o tempo de viagem. Mas sem deixar a animação baixar, seguimos em frente, chegando no Refúgio por volta das 9:00.

Já no local, optamos por reservar os nossos lugares no camping e montar as barracas rápido. Negreiros marcou a saída para 10:30. Após tudo montado, fomos tomar café da manhã (16,00). Tudo arrumado, todos alimentados e, por volta das 10:40, iniciamos a subida da trilha da Pedra Aguda com todos os participantes. Vale lembrar que foi ótima a ideia de fazermos uma entrega de camisas coletiva. Quase todos que receberam já as vestiram na hora. Foi uma ótima oportunidade de fazer a trilha bem caracterizados e de testar o novo material.

Acampamento pronto.

Galera no início da trilha da Pedra Aguda

E lá fomos nós. O início da trilha não era difícil e, surpreendentemente, o grupo se manteve bem próximo. Foi uma subida de aproximadamente 40 minutos até a primeira corda. Lá, os participantes passaram bem, um com mais dificuldades, outros com menos. Foi muito legal ver o trabalho de equipe, com membros mais experientes dando suporte para os com menos. Foi muito lindo ver o espírito do grupo em vigor. Agradecimentos especiais ao Thiago, Golias, Roberto e Adhemar nessa.

Passando pela corda.

Após a corda, o primeiro grupo pegou uma subida errada, mas que foi contornado pelos mesmos, que encontraram a trilha verdadeira um pouco à frente. Nesse local é preciso ter muito cuidado. Mais alguns minutos de caminhada e começamos a perceber um ritmo mais lento no grupo de trás. Alguns participantes passaram da corda, mas começaram a ter um certo pânico da altura que estávamos. Já próximo ao cabo de aço, os administradores se posicionaram para ajudar a todos, Henrique na frente e Negreiros atrás dando um suporte mais emocional.

Começou então um trabalho de acalmar e motivar. Assim como na corda, alguns participantes estavam com muito medo. E assim, foi. Passo após passo, respiração após respiração, sempre motivando e fazendo que percebessem a sua força. Mais um tempo e já estavam todos no pico. Todos se ajudaram. Bom, no pico rolou a comemoração de sempre, lanches, voos de drone e muitas fotos. Vale ressaltar a grande presença e força feminina nesse evento. Lugar de mulher é na montanha. Até que, aproximadamente às 13:30, iniciamos a descida.

Pico da Pedra Aguda.

Lugar de mulher é na montanha.

Henrique assumiu a dianteira com um grupo mais experiente, Negreiros foi no meio e Adhemar e Ricardo dando suporte pra galera de trás. Bom, após o cabo de aço, todos passaram bem da corda. Henrique desceu na frente pra garantir o almoço. E, aproximadamente às 15:45 estávamos de volta ao refúgio, almoçando (32,00) e comemorando a subida de muita superação, tanto pela força de vontade dos participantes, como dos problemas de logística no transporte.

O fim de tarde foi livre, com piscina, sauna, escalada na pedra e até descanso. O grupo estava com uma amizade e um entrosamento muito legal. Percebemos claramente que o bom humor era o nosso segredo para fazer desse evento especial. A noite caiu e alguns preferiram comer o que levaram, outros o caldo (16,00). Rolou muita zoação e bate papo na piscina e no restaurante até às 22:00, quando abaixamos o som e migramos para perto das barracas. E lá continuamos até próximo de 00:00, onde aos poucos, os participantes foram dormir.

Dia 2 - 13/10/2019

Acordamos por volta das 7:00 e fomos tomar café da manhã. Domingo era o dia de subir o Mundo Novo ou ficar relaxando no refúgio/fazer outras atividades. Após o café da manhã, 12 pessoas resolveram ir para a trilha, enquanto que 4 (Vilma, Patrícia, Larrisa e Camilla) preferiram ficar no refúgio e 2 (Adhemar e Roberto) foram escalar.

A subida do Mundo Novo foi mais longa, porém com menor dificuldade técnica. É uma trilha pelo meio do vale, com certas horas de observação do nosso objetivo. Como o grupo era menor, andamos de forma mais homogênea. Saímos às 8:40 e logo já estávamos no trecho final: uma difícil subida com um solo bastante erodido e com os grãos se soltando. Os últimos 20 minutos de trilha são bem íngremes e cansativos. Mas tivemos um ótimo rendimento e aproximadamente às 10:10 estávamos no pico. Estava muito sol e calor. Tiramos mais inúmeras fotos e comemoramos. Mas, na real, o dia pedia uma piscina. Por isso, sem nos prolongar muito, às 10:40 começamos a descida. Uma descida bem tranquila, com muitos escorregões no solo solto. Foi legal perceber a interação e a rápida amizade que se formou entre os membros. Aproximadamente às 12:20 estávamos de volta. Adhemar e Roberto mapearam as vias da Pedra Aguda e adoraram a escalada. Voltaram por conta do forte calor que fazia, mas pareciam satisfeitos.

Cume do Mundo Novo.

A tarde foi de preguiça, piscina e mais um pouco de escalada. O ponto alto foi a participação da Amanda Rizzo no rapel. Deu pra sentir a vontade dela de aprender transbordando pelos olhos. Por volta das 17:00 começamos a desmontar tudo e acertar as contas para ir embora. Ninguém parecia querer sair dalí. Por volta das 18:00 já estávamos na estrada.

Negreiros e Amanda no rapel.

No retorno, conseguimos descer pela serra de Guapimirim, com um pequeno desvio por niterói. Por volta das 23:00 chegamos de volta na Rodoviária Novo Rio, todos felizes e satisfeitos.

Clube Outdoor
Clube Outdoor

Published on 10/31/2019 11:07

Performed from 10/12/2019 to 10/13/2019

3 Participants

Henrique Protázio Bruno Negreiros Adhemar

Views

1045

Clube Outdoor

Clube Outdoor

Rio de Janeiro

Rox
1209

Grupo de amantes da natureza com o objetivo de promover práticas outdoor e o desenvolvimento do autoconhecimento e da conscientização crítica, ambiental e social.

Adventures Map
clubeoutdoor.com.br

3 Posts


2813 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Peter Tofte, Renan Cavichi and 385 others support the Minimum Impact Manifest


Together
Inclusive Adventures
Rox

Bruna Fávaro, Fabio Fliess and 142 others support the Together page.