AventureBoxExplore
Create your account

O Terceiro Princípio do Leave No Trace fala sobre o descarte correto de lixo e dejetos humanos. Seu objetivo é minimizar o impacto sobre as áreas naturais, evitando danos à terra ou aos cursos de água causados pelo descarte incorreto de resíduos.

E se você chegou aqui mas não sabe o que é o “Leave No Trace” (ou “Não Deixe Rastros“) vale a pena dar uma olhada na matéria que postamos que explica a filosofia e os 7 princípios do Leave No Trace.

Quem nunca encontrou lixo na trilha?

Princípio 3 – Descarte corretamente seu lixo e dejetos

Dejetos humanos

O descarte adequado de dejetos humanos é importante para evitar a poluição das fontes de água, que outras pessoas os encontrem, minimizar a possibilidade de propagação de doenças e facilitar o processo de decomposição.

Na maioria dos locais, enterrar as fezes humanas de maneira correta é o método mais eficaz para fazer isso. Porém, essa regra não serve para qualquer ambiente. Em lugares como desfiladeiros de rios estreitos ou onde a camada de solo escavável não permite a abertura de um buraco com as medidas apropriadas os dejetos humanos sólidos devem ser levados embora. As organizações responsáveis pela gestão das unidades de conservação podem lhe aconselhar melhor sobre regras adotadas nas áreas específicas que você planeja visitar, quando for o caso.

Mais e mais pessoas desfrutam de parques e áreas protegidas a cada ano, por isso o descarte correto de dejetos humanos provavelmente se tornará uma prática ainda mais comum para garantir a sustentabilidade de longo prazo nestas áreas compartilhadas. Em alguns ambientes os responsáveis pela administração da área podem exigir que todos os resíduos sólidos humanos sejam levados embora ao invés de serem enterrados, por exemplo.

Em algumas unidades de conservação, tanto fora do país quanto aqui no Brasil, existem regras para os procedimentos de descarte dos dejetos humanos. Informe-se sobre as regras do local que você pretende visitar.

Cavando buracos

O buraco é o método mais amplamente aceito para eliminação de resíduos sólidos humanos (fezes). E existem algumas regras fundamentais para cavar esses buracos:

1. Escolha um local que fique situado a pelo menos 60 metros de distância de qualquer fonte de água, trilhas e locais de acampamento.

2. Selecione um local discreto onde outras pessoas provavelmente não caminharão ou acamparão. Tente encontrar um local com solo orgânico profundo, esta matéria orgânica contém organismos que ajudam a decompor as fezes. Se possível, cave seu buraco em um local onde ele receberá o máximo de luz solar, já que o calor do sol ajudará na decomposição. Além disso, escolha um local elevado onde a água normalmente não escoaria durante uma tempestade, a ideia aqui é manter as fezes longe do contato com a água.

3. Com uma pequena pazinha, cave um buraco de aproximadamente 15-20cm de profundidade e 20cm de diâmetro. No deserto, o buraco deve ter apenas 10 ou 15cm de profundidade. Isso permitirá que o calor acelere o processo de decomposição das fezes.

4. Ao finalizar, encha o buraco com a terra que você escavou e cubra com materiais naturais para disfraçar o local. Se você for ficar acampado em uma mesma área por vários dias distribua os buracos pelo lugar.

Latrinas

Embora os buracos sejam recomendados para a maioria das situações, há momentos em que as latrinas podem ser mais funcionais, como acontece ao permanecer em um ponto de acampamento por muito tempo. Na maioria dos casos o buraco ou um shit tube já solucionam a questão dos dejetos, dispensando o uso de uma latrina fixa. Entretanto é comum encontrarmos latrinas em regiões de montanhas muito visitadas ou em trilhas longas com pontos de acampamento pré-estabelecidos.

Se você precisar cavar uma latrina use os mesmos critérios estabelecidos para a criação de um buraco. Como essa concentração mais alta de fezes em um único local se decompõe muito lentamente, a localização é especialmente importante. Uma boa maneira de acelerar a decomposição e diminuir o odor é jogar um punhado de terra e folhas secas após cada uso. Antes de pensar em construir uma latrina sempre consulte a equipe de administração do parque para verificar as recomendações locais.

Cuidados com o papel higiênico

Use papel higiênico com moderação e opte pelos os papéis que não são perfumados.

O papel higiênico deve ser descartado de maneira adequada. Deve ser preferencialmente colocado em sacos plásticos e levado embora. O “papel higiênico natural” tem sido usado por muitos campistas há anos. Quando feito corretamente, esse método é tão funcional quanto o papel higiênico comum, mas sem os problemas de impacto. Os tipos mais populares de “papel higiênico natural” incluem pedras, vegetação e neve. Obviamente, alguma experimentação é necessária para que esta prática funcione para você, mas vale a pena tentar. Um detalhe importante: não é recomendado queimar papel higiênico, mesmo dentro de um buraco. Esta prática errada de queimar o papel higiênico já foi o ponto de início de alguns incêndios em áreas de preservação.

Papel higiênico em terras áridas: colocar papel higiênico em sacos plásticos e embalá-lo como lixo é a melhor maneira de não deixar rastros em um ambiente desértico. O papel higiênico não deve ser queimado nunca, mesmo no deserto.

Absorventes mentruais

O descarte adequado de absorventes requer que você os coloque em sacos plásticos para levar-los embora. Não os enterre porque eles não se decompõem facilmente e os animais podem desenterrá-los. Assim como o papel higiênico, os absorventes também não devem ser queimados nunca.

Urina

A urina tem pouco efeito direto na vegetação ou no solo. Em alguns casos, a urina pode atrair animais selvagens e esses animais podem desfolhar plantas e revirar o solo por causa da urina. Urinar em rochas, agulhas de pinheiro ou cascalho tem menos probabilidade de atrair animais selvagens. Além disso, diluir a urina com água de uma garrafa de água pode ajudar a minimizar os efeitos negativos.

Também existem algumas boas práticas ao escolher um local para urinar. Essas regras são similares àquelas que são usadas para escolher um local para cavar o buraco. Portanto, não urine na trilha ou em locais de acampamento e afaste-se de qualquer fonte de água.

Outras formas de lixo

Inspecione seu acampamento e áreas de descanso para ver se existe algum tipo de lixo ou restos de comida. Empacote todo o lixo e leve embora com você para descartá-lo corretamente após finalizar sua caminhada ou acampamento.

Planeje as refeições para evitar a geração de lixo sujo e desperdícios. É essencial para a vida selvagem do local que você embale o lixo da cozinha e leve-o embora.

Lixo esquecido não é apenas feio – ele também pode ser mortal. Sacos plásticos, pontas de cigarro, linhas de pesca e outros tipos de resíduos são prejudiciais ao meio ambiente quando não descartados de maneira adequada. Muito além da questão do tempo de decomposição e do impacto visual, o lixo esquecido (ou descartado inadequadamente) pode mudar os hábitos alimentares dos animais da região, pode iniciar um incêndio florestal, pode matar um animal, etc.

Revise a sua área de acampamento para ter certeza de que nenhum lixo ficou para trás

Sempre carregue sacolas plásticas para transportar seu lixo (leve uma sacola extra para aquelas pessoas que não levaram). Antes de sair de um acampamento ou local de descanso, procure na área por vestígios de “micro-lixos”, como restos de comida, pedaços de embalagens e até mesmo lixo orgânico, como cascas de laranja, banana, etc. Convide as crianças para um jogo de “catar o lixo”, isso é uma forma divertida de ensinar esta boa prática aos pequenos.

Algumas pessoas tem a ideia errônea de que cascas de laranja ou restos de outras frutas podem ser descartados no meio da trilha, afinal de contas eles são orgânicos. Sim, eles são orgânicos, mas não pertencem naturalmente ao local. Por mais que eles se decomponham isso ainda levará algum tempo, e até lá aquelas cascas e restos estarão impactando visualmente a paisagem e atraindo a atenção da fauna local.

Informe-se sobre os pontos de descarte de lixo nos parques e trilhas que você pretende visitar

Água suja

Sempre mantenha uma distância de cerca de 60 metros dos rios ou lagos ao escolher seu lugar para tomar banho ou lavar louça.

Para lavar louça, use uma panela limpa ou outro recipiente para coletar água. Isso diminui o pisoteio do terreno durante as idas e vindas para coletar água nos lagos, rios ou nascentes e ajuda a manter o sabão e outros poluentes fora da fonte de água. Use água quente e sabão biodegradável neutro se for necessário. Remova os restos de comida da água suja usada na louça antes de descartar a água espalhando ela amplamente pela área. Faça isso bem longe do acampamento, especialmente em locais onde os animais selvagens são uma preocupação.

Embale as sobras de comida e os restos que foram removidos das panelas, pratos e talheres no momento da lavação. Esses resíduos devem ser levados embora e descartados corretamente no final da sua atividade ou em pontos apropriados ao longo do caminho.

Sabonetes e outros tipos de loções

O sabão, mesmo quando biodegradável, pode afetar a qualidade da água de lagos e riachos, portanto, minimize seu uso quando possível. Sempre tome banho bem longe das fontes de água (60m) e se enxágue usando uma água coletada previamente para evitar o vai e vêm até a fonte de água mais próxima. Onde a água doce é escassa, pense duas vezes antes de entrar em rios, lagos ou buracos – protetor solar, repelente de insetos e óleos corporais podem contaminar essas fontes vitais de água. Muito cuidado com isso!

©1999 by the Leave No Trace Center for Outdoor Ethics: www.LNT.org.

Publicação original: Descarte o lixo corretamente.


------

Gostou do artigo? Tenha acesso a conteúdos exclusicos com o Gear Tips Club.

Seja um membro e tenha acesso a todas essas vantagens. Nosso propósito é:

  • Conectar praticantes de atividades ao ar livre com guias, instrutores, marcas e entre si, fortalecendo o laço de comunidade e ampliando suas redes de relacionamento.
  • Capacitar através da disseminação de conhecimento é a melhor forma de praticarmos atividades ao ar livre de forma segura. Nosso objetivo é guiá-lo pelas trilhas do conhecimento, compartilhando conteúdos técnicos sobre equipamentos e habilidades específicas para a prática de esportes de aventura.
  • Equipar com um melhor entendimento sobre tecnologias e equipamentos para que você faça as escolhas certas para sua aventura. Nossos parceiros oferecem descontos significativos em mais de 3.000 itens!

Conheça mais sobre o Gear Tips Outdoor:

Veja também a nossa Loja Online Gear Tips, onde além de itens personalizados com nossa marca, criamos uma Livraria de Aventura!

Gear Tips

Published on 06/02/2021 20:40

Views

35

Gear Tips

Gear Tips

Rio de Janeiro

Rox
815

Nosso propósito é capacitar, equipar e conectar os praticantes de atividades ao ar livre!

Adventures Map
geartips.com.br

21 Posts

See More

1796 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Bruna Fávaro, Bruno Negreiros and 385 others support the Minimum Impact Manifest


Together
Inclusive Adventures
Rox

Fabio Fliess, Peter Tofte and 140 others support the Together page.