AventureBoxExplore
Create your account
Pico do Santo Agostinho ou Pico do Garrafão

Pico do Santo Agostinho ou Pico do Garrafão

O Pico do Santo Agostinho ou Garrafão está a 2359 metros e localiza-se no Parque Estadual da Serra do Papagaio, entre Itamonte e Alagoa- MG.

O Pico do Garrafão, também conhecido como Pico do Santo Agostinho, é o ponto culmintante do Parque Estadual da Serra do Papagaio (PESP), com 2359m de altitude, e o 29º maior do Brasil. O PESP foi criado em área contínua ao Parque Nacional do Itatiaia e juntos protegem um dos maiores fragmentos de vegetação nativa da Mantiqueira.

Dia 03/Nov

Essa trilha foi programada em torno de 1 semana e meia, inicialmente, iria somente eu e a Claudia, porem cada um foi meio que convidando outras pessoas, e fomos no total em 6 pessoas.

Saimos de Lorena-SP, onde eles iriam se encontrar em minha casa, pois Claudia (mora em Taubate), Marcelo (Campos de Jordão), Fernanda e Patricia (de Guaratinguetá),e seguir rumo a Itanhandu-MG onde iamos pegar o Vinicius (Itanhandu), rumo a Alagoas, aventuras total entre cidades kkk. Como estavamos em uma semana meio que pré chuvarada e verão, o clima é bem maluco no cume, queria ir o mais cedo possivel, e infelizmente a Claudia e o Marcelo só iriam chegar em minha casa por volta das 8:30 a.m e no fim chegaram umas 10 hrs a.m.

Agonia ja comecou a tomar conta de mim por conta do horario, pois ia levar em torno de 2 hrs rumo a Alagoas, para depois comecar de fato o trekking kkk.

Bom resumidamente, todos os planos de horarios foram sabotados pelo destino e começamos a trilha, por volta das 14:40 p.m, felizmente pegamos um clima super favoravel, estava com pouco sol e o dia estava muito quente, na metade do percurso, ameaçou uma chuva com trovoões, mais o destino favoreceu em nosso prol kkk.

A subida foi bastante sofrida, pois todos nós ja estavamos desgastados psicologicamente por conta do horario e o corre corre de encontrar o Vinicius em Itanhandu (ele ia levar mais umas galerinha tambem, que tava em uma indecisão se essa galera ia ou nao, pois ele é guia da região, fiquei sabendo tipo muito de ultima hora, pois o Vinicius comecou a namorar recentemente a Fernanda e ela nao tinha me falado rs) .

Então cada um começou com alguma coisinha, a Fernanda começou a sentir muito enjoo e o Vinicius carregou a cargueira dele e a dela, Claudia estava com um inicio de gripe, e eu muito devagar e cansada, levamos em torno de 4 hrs de caminhada, em um ritmo horas lentos/horas mais rápido, parando várias vezes para ganhar um folego e beliscar algo, chegamos no cume por volta das 18 hrs p.m. (Msm com esses porens, acho que de modo geral, tivemos um ótimo horario em trilha, mais nao te recomendo começar muito tarde)

Conseguimos montar o acampamento com um pouquinho da claridade do final de tarde, junto com um monte de vacas para o desespero da Patricia kkk.

Depois de armar acampamento, comecamos a nós preparar para a janta, era por volta de umas 19 hr o clima mudou totalmente, comecou a relampejar forte no vale (estava bem distante de nós), e a ventar muito, parecia ate inverno, muito frio, acredito que uns 7 º graus por volta, nossa janta, esfriou instantaneamente, não tinha como comer a comida quente. Depois que tivemos um bom longo periodo de janta e pipoca kkk, por volta das 23 hrs virou total Sillent Hill, um nevoeiro bem forte, nao conseguiamos ver a barraca do vizinho e a chover, durante a madrugada choveu muito e um vento muito forte, passei a noite em claro por conta disso, medo da barraca sair voando rs e nao estava no cume, mais dava um medo. ( Não te recomendo a ir a essa epoca do ano, caso contrario se tiver experiencia com a região e tambem sempre ficar de olho no clima local, tivemos muita sorte de nao pego relampagos de fato no cume, somente chuva e muito vento).


Dia 04/Nov

Demoramos bastante para sairmos da barraca, amanheceu com chuva e muito nevoeiro, então conseguimos sair de fato da toca por volta das 9:30 am, onde finalmente vimos o sol, pensei que iamos pegar o dia todo com chuva, a gente estava dentro da nuvem, e o vento dissipou totalmente ela depois desse horarios, tiramos um monte de fotos do cume, conseguimos de fato ir na floresta do lado do camping e tambem, ir a fonte de agua que nao é tao proxima do acampamento.

Acho que levamos umas 2 hrs por volta de explorar todo o cume, é bem amplo, tem uma visão panoramica lindissima 360º e valeu cada esforço.

Fizemos um café bem reforçado com tapioca e rap 10. E por volta da meio dia, começamos nossa descida, foi bastante sofrida tambem, joelho tem que estar bastante forte ( super te recomendo o par de bastão) , nossa descida foi feita por 2:30 hrs, pegamos nosso carro e cada um voltou embora sao e salvo para a casa e com um sorriso no rosto.

OBS: Sobre se guiar, apesar do Vinicius ser guia da região, como ele foi um pouco depois com o grupo que ia levar, eu ja tinha salvo todo a trilha no gps (pois tambem nao sabia que ele era guia, soube de ultissima hora) e já tinha estudado o mapa da região, então não foi dificil, a trilha por todo está bastante demarcada, e tem alguns pontos com placas, então se voce souber chegar no começinho da trilha com carro dificilmente vai se perder para chegar no cume, porem te recomendo equipamentos basicos de segurança, como Spot Gen ( eu já uso), um gps (pode ser o wikiloc no cel, mais leve power bank) e um kit de primeiros socorros.

Espero que goste da leitura!

Jéssie S. Almeida
Jéssie S. Almeida

Published on 11/18/2018 22:56

Performed from 11/03/2018 to 11/04/2018

Views

3104

2
Fabio Fliess
Fabio Fliess 11/19/2018 10:46

Um dos cumes mais bonitos da região do Papagaio. Quando estive lá, fiz um bate e volta! Mas deve ser um barato acampar naquele cume. Parabéns Jéssie!

Jéssie S. Almeida
Jéssie S. Almeida 11/19/2018 14:32

Concordo totalmente com você Fabio, lindíssimo lá. Quando puder vá para acampar, o cume é bem grande :D. Obrigada Fabio ! :D

Jéssie S. Almeida

Jéssie S. Almeida

Lorena

Rox
231

Apaixonada por natureza. Buscando muita montanha e bons amigos para compartilhar os melhores momentos.

Adventures Map

181 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Bruno Negreiros, Renan Cavichi and 385 others support the Minimum Impact Manifest