AventureBoxExplore
Create your account
Trekking e Acampamento no Pico Agudo

Trekking e Acampamento no Pico Agudo

subida e acampamento em montanha em 2016

No sábado ás 06:30h levantamos tomamos café colocamos as mochilas no carro e nos pegamos a estrada. Foram 03 horas, sendo que uma delas por estradas de terra e pedras soltas, subidas que faziam o carro patinar jogando pedras pra todo lado. Ás 10:40h começamos a subida foram mais de 1000 metros entre caminhada e subidas por cordas ao topo da montanha, com as mochilas com barraca água e tudo que iríamos precisar para nosso acampamento, foi uma subida que exigiu esforço suor da nossa parte.
A subida começa com uma trilha leve pela mata que aos poucos vai inclinando e a vegetação também vai mudando no lugar de arvores começa a aparecer um vegetação mais fechada com capim desses de pastagem, mas como lá não tem gado ele cresce e acaba por dificultar a trilha, lembrado que além do capim a inclinação continuava e já tínhamos que usar cordas em alguns pontos para subir. Entre capim algumas pedras soltas suor e cordas chegamos no pé do pico .


Agora começaria uma subida por cordas que iria exigir força nos braços porque além de nosso peso teríamos que subir as mochilas que a essa altura já estavam no mínimo 01 vez a mais pesada do que quando começamos a caminhar, mas foi tranquilo. A subida com cordas bem fixadas na rocha dava pra apoiar bem, e assim usando as pedras como degraus e as cordas como corrimão chegamos ao topo do Pico Agudo 1170/1200 mts ás 12:10h fizemos um vídeo da chegada .

Eu já conhecia o lugar Tatiane não, uma vista de tirar o fôlego que ainda estava curto por causa da subida, 2° passo foi montar acampamento foi o primeiro acampamento que a responsabilidade total era minha. Bem, escolhido o local na montanha foi só montar minha barraca de montanha da MOR isso mesmo uma barraca fuleira de super mercado emprestada de um amigo que tinha me avisado que se chovesse tava ferrado ,bom aproveitamos a tarde com céu aberto e vento soprando forte. No cair da tarde resolvi fazer um café pra esquentar pois o vento começava a soprar mais frio e sentimos a temperatura cair de 25°para 18° e um cafezinho caiu bem.

A visibilidade ficou zero, ás 18:30h fomos pra super barraca que as vezes parecia querer alçar voo , li um capítulo de um livro enquanto Tatiane tentava fazer uma conexão já que tinha um sinal fraco de 3G, bom ela não conseguiu e eu terminei o capítulo do livro. Por volta das 20;00h fomos fazer o jantar, no cardápio macarrão com carne moída afial não dá pra um vasto menu em um acampamento no qual voc leva o que tem que comer ,mas deu pra ter um luxinho com vinho pra acompanhar o menu.Com a temperatura caindo e o vento bem forte, comemos dentro da barraca ainda bem que tinha o vinho pra dar uma esquentadinha, dormimos com vento e uma garoa um pouco grossa demais para barraca. Acordamos as 03:00h da manhã e percebemos que a garoa tinha aumentado de intensidade e já estava molhando as laterais da barraca mas nada que prejudicasse nosso sono.Manhã do dia seguinte tempo fechado e mesmo assim a montanha não perde sua beleza levantamos tomamos café e apreciamos algo que chamei de Dança das Nuvens muito legal o vento soprava as nuvens, elas subiam e girando passavam por nós que apreciamos esse momento fechando assim o nosso acampamento no Pico Agudo

tentei colcocar o video da chegada ao pico e da dança das nuvens infelizmente não consegui....

Laudenir  F. Xavier
Laudenir F. Xavier

Published on 11/19/2016 17:07

Performed from 11/12/2016 to 11/13/2016

Views

4957