AventureBoxExplore
Create your account
Itapiroca KIDS

Itapiroca KIDS

Minha primeira experiência com os meninos. Yuri(9anos), Cauã(10anos) e Ariel(11anos). Como eles mesmos disseram: "-Foi super de boa".

Hiking Mountaineering

Eu havia prometido que só levaria meus filhos Cauã, Ariel e Yuri pra subir uma "montanha", quando o Yuri completasse 10 anos.
O Cauã e o Ariel que já tinham tal idade, e ficaram meio na bronca, porque eu só levaria os 3 juntos.
Então, pra amenizar os animos, prometi leva-los até o Getúlio (passagem para chegar ao Pico Paraná, Itapiroca, Caratuva...) no dia 05/07, data que o Yuri completaria 9 anos. Esta atividade serviria de experiência para saber se eles aguentariam subrir uma "montanha".

No dia anterior preparamos a mochilas, e então, no dia do aniverário do Yuri, no tão esperado dia, saímos de casa às 06:30. Os 3 foram dormindo até a fazenda onde deixamos o carro.
Tomamos o "café da manhã", checamos os materiais, fizemos um alongamento e comessamos nossa subida às 08:30.

Na "Pedra da desistência", ninguém pensou em desistir. Paramos um pouco, subimos na pedra e ficamos ali uns 10 minutos. Retomamos nossa caminhada e chegarmos no Getúlio, eles estavam tranquilos fisicamente, cheios de alimentos e água nas mochilinhas e eufóricos querendo subir mais e mais. (O Yuri, de tanta euforia ficou até peladão, kkk).Ficamos por lá uns 30 minutos, o suficiente para que eles explorassem toda àquela região.
Nos alimentamos novamente e os intimei à decermos.

-Nãããããão. Você desce sozinho.Nós vamos pro Pico Paraná!!! Disse o Cauã colocando a muchila nas costas.

Respondi:
-Bora lá, combinamos que viriamos até aqui e agora vamos embora.

Na hora vi aquelas 3 carinha felizes e sorridentes se entristesserem. Rapidamente pensei e disse bem sério:
-Não quero ouvir ninguém reclamando no caminho, nem fazendo corpo mole. Não quero ouvir ninguém reclamando de dor no corpo amanhã. Se me prometerem isto, levo vocês até o ITAPIROCA, quinto ponto mais alto do sul do Brasil.

No mesmo instante os 3 explodiram em alegria. E pulavam, se abrassavam, comemoravam, gritavam...
Nos organizamos e... Partiu Itapiroca.

No caminho, primeira bifurcação: Seguimos sentido Pico Paraná. O itapiroca fica na segunda bifurcação, beleza!

Então, na segunda bifurcação, pegar a direita sentido Itapiroca.
Logo chegará a terceira bifurcação, neste ponto, ambas levam ao Itapiroca, porém, a da esquerda é uma via trekking e a da direita é uma linha de escalada. Logicamente fomos pela esquerda, mas foi o suficiente para eles se sentirem verdadeiros alpinistas.Nossa chegada ao cume foi só festa.

Eles ficaram encantados por conseguir ver Curitiba tão pequenininha lá no fundo.
Do outro lado, viamos o Imponente Pico Paraná, Caratuva e demais morros da região, além de conseguirmos ver a nossa cidade "Antonina". Neste momento, nos 4 muito felizes e olhando o Pico Paraná fizemos um acordo de subir ao "ponto mais alto do sul do Brasil" em Janeiro de 2018.

Dava para ver umas pessoas no cume de outros morros e os maluquinhos quase ficaram roucos de tanto gritar.
Ficamos aproximadamente uma hora por lá!
Escrevemos no livro do cume, almoçamos e descansamos. Até que chegou a hora de voltar, pois afinal, as 18:30 horas tinhamos uma festa de aniversário surpresa para o Yuri.
A descida foi tudo muito tranquila, rendeu muito. Ainda paramos mais meia hora no Getúlio.
Chegamos no carro as 16:00 horas.
No caminho, conversamos por uns 20 minutos, enquanto eu fazia uma nova avaliação das ASPs dos sobreviventes, kkkk. Daí dormiram.
Acordei eles na Serra da Graciosa (recanto mãe Catira) para comermos um pastel e tomar um caldo de cana.
Chegamos em casa e:

- Surpresa! Feliz aniversário Yuri.

Em Janeiro o Pico Paraná nos espera. Vamos acampar no cume!

13
Júnior (Barba Ruiva)
Júnior (Barba Ruiva) 12/10/2017 17:14

Olá Laila. Vendo suas aventuras, tenho certeza que o adjetivo MONSTRO é no bom sentido.

Laila
Laila 12/10/2017 17:19

Assim espero kkkkk... Quem sabe um dia não marcamos algo para levar toda essa meninada junto?? Parabéns pela família linda!!!

Júnior (Barba Ruiva)
Júnior (Barba Ruiva) 12/10/2017 17:19

Oi Keila. É verdade, já foram todos picados pelo bichinho da montanha 🗻. Temos planejado para janeiro 4 novas aventuras, que publicaremos aqui😉.

Júnior (Barba Ruiva)
Júnior (Barba Ruiva) 12/10/2017 17:24

Paulo, acho que é mais fácil levar essa mulekada pra fora de casa quando eles estão no mínimo em dupla. Então, se vc tiver um sobrinho, pode provocá-lo junto com seu filho para iniciar essa verdadeira curtição. Digo isso pq vi o quanto um instiga o outro no período pré aventura. Abraço.

Elter
Elter 12/14/2017 07:59

Legal Junior, a minha comecei a levar este ano (com 11 anos) em algumas trilhas e rapel, ela está gostando.

Saul Ayres do Prado
Saul Ayres do Prado 12/14/2017 08:18

Daora, parabéns ...

Júnior (Barba Ruiva)
Júnior (Barba Ruiva) 12/14/2017 12:05

Que legal Elter. É gratificante demais essas aventuras com nossos filhos. São os melhores companheiros pras aventuras.

Júnior (Barba Ruiva)
Júnior (Barba Ruiva) 12/14/2017 12:06

Valeu Saul.

Júnior (Barba Ruiva)

Júnior (Barba Ruiva)

Antonina - PR

Rox
97

Químico industrial👨‍🔬, empresário🤦‍♂️, casado👫 e pai de 4 meninos👶🏻👦🏻👦🏽👦🏼. Meu objetivo é fazer meus filhos viverem de verdade, viverem OUTDOOR🏔️🏕️🏞️.

Adventures Map

1400 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Renan Cavichi, Bruno Negreiros and 385 others support the Minimum Impact Manifest