AventureBoxExplore
Create your account
Chapada dos Veadeiros - Vila de São Jorge

Chapada dos Veadeiros - Vila de São Jorge

Primeiros dias conhecendo a Chapada dos Veadeiros e o parque nacional. Lugar absurdamente lindo e Inesquecível.

Hiking Off-Roading

Tirei 10 dias de férias e então resolvi ir para a Chapada dos Veadeiros. Ficamos hospedados na Vila de São Jorge alguns dias e depois fomos para Alto Paraíso passar o final das férias. Tiramos um dia exclusivamente para fazer um bate-volta até Cavalcante e conhecer as cachoeira de lá.

Roteiro na Chapada dos Veadeiros:
Dia 01 - 13/08/2019 - Deslocamento RJ x Brasília; Brasília x Vila de São Jorge
Dia 02 - 14/08/2019 - Trilha do Mirante da Janela
Dia 03 - 15/08/2019 - Trilha dos Cânions, no Parque Nacional
Dia 04 - 16/08/2019 - Trilha dos Saltos, Carrocel e Corredeiras, no Parque Nacional
Dia 05 - 17/08/2019 - Cachoeira do Segredo , Vale da Lua, Jardim de Maytrea e Chegada em Alto Paraíso
Dia 06 - 18/08/2019 - Cachoeira das Almécegas e São Bento
Dia 07 - 19/08/2019 - Cachoeira da Loquinhas
Dia 08 - 20/08/2019 - Cachoeira Santa Barbara e Capivara
Dia 09 - 21/08/2019 - Catarata dos Couros
Dia 10 - 22/08/2019 - Deslocamento Alto paraíso x Brasilia; Brasília x RJ

Relatos na Vila de São Jorge

Dia 14/08 - Trilha do Mirante da Janela

Acordamos, tomamos nosso café da manhã no camping (taiuá ambiental, o melhor camping que já fiquei na vida [R$ 40,00 a diária]), pegamos o carro e fomos até o início da trilha. Deixamos o carro (alugado) ali no estacionamento (R$ 0,00) e começamos a caminhada.

Logo após alguns minutos se chega numa “portaria”, que na verdade é um senhorzinho que é o dono ali das terras e cobra uma taxa (de R$ 20 por pessoa) para entrar no mirante. Nesta portaria há a opção de abastecer o cantil. De início achei esse valor bem caro, mas depois que terminei a trilha achei de graça. Explicarei mais a frente.

Voltamos para nossa caminhada, até que chegamos na cachoeira do abismo. Como fomos na época de seca, a cachoeira estava totalmente seca. Esta é única que realmente fica assim nessa época.

Continuamos a caminhada até que chegamos nos mirantes. Tem várias estruturas muito bem feitas e com visuais lindos. Ali já fez os 20 reais saírem de graça de tão bem cuidado por toda estrutura, além da vista maravilhosa.

Depois de curtir o lugar, era hora de voltar. Fizemos todo o nosso caminho de volta até que chegamos na portaria mais uma vez. Ali o senhorzinho - esqueci o nome dele - deu um monte de melancia para gente. Mais uma vez achamos que os 20 reais saiu barato. A melancia estava ótima. Comi uns 6 pedaços eu acho, rs.

De volta ao estacionamento a dica é ficar por ali mesmo e assistir o pôr do sol. É absurdo de lindo. Ou no estacionamento, ou nos próprios mirantes.

15/08/2019 – Trilha dos Cânions e Carioquinhas

Neste dia, era trilha dentro do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Acordamos, tomamos nosso café, preparamos nossa mochila e partimos andando para o Parque Nacional. O camping onde fiquei é muito próximo da entrada do parque, então fomos andando. Assim, economizamos gasolina (não há postos de gasolina na Vila de São Jorge) e também não precisaríamos pagar o estacionamento (que tem o custo de R$ 15).

Chegamos no parque e pagamos a nossa entrada (com o custo de R$ 17). Nos colocam para preencher uns papéis e depois assistir um vídeo sobre normas e cuidados com o parque. Abastecemos nosso cantil ali no bebedouro e partimos para a trilha. Muito bem orientada. Auto-guiada.

Há duas trilhas no parque. A trilha dos cânions e a trilha dos saltos. Existe uma terceira trilha, mas é bem curta e que te leva numa cachoeira que os guarda-parques disseram que estava seca. A trilha dos cânions é mais plana e mais tranquila. Já a dos saltos tem um desnível maior. Ambas em torno de 12km de caminhada, ida e volta. Escolhemos fazer a dos Cânions hoje, que é mais tranquila, e deixar a dos saltos para o dia seguinte. Assim descansamos tanto da trilha mais cansativa no dia anterior e do cansaço acumulado da viagem.

Fomos andando até que chegamos nos cânions

Não entramos na água. Deixamos para curtir de verdade quando chegarmos na cachoeira carioquinhas. Valeu a pena. Fomos andando até ela.

Ali sim perdemos um bom tempo curtindo o lugar. Muito bonita a cachoeira.

16/08/2019 – Trilha dos Saltos, Carrossel e Corredeiras

Mais uma vez fizemos o mesmo esquema: deixamos o carro parado e fomos andando até o parque. Pagamos nossa entrada (R$ 17), não assistimos o vídeo dessa vez e começamos a caminhar. É a trilha mais bonita do Parque Nacional.

Chegamos numa bifurcação e seguimos na seguinte ordem:

Primeiro no mirante

Depois mirante do salto 120,

Indo até a salto 80 e tomando banho ali. Fizemos um lanche também.

Voltamos até a bifurcação e fomos para a cachoeira carrossel

De lá, mais alguns minutos de caminhada até que chegamos nas corredeiras.

Ali nas corredeiras perdemos um bom tempo curtindo também. Lugar muito tranquilo e bonito. Bem família. Super acessível já que tem uma estrutura para chegar de carro e ir até cadeirantes.

17/08/2019 – Cachoeira do Segredo, Vale da Lua e jardim de Maytrea

Este era o nosso último dia na vila de São Jorge. Acordei, fui até uma agencia que tem na própria vila e comprei o ingresso (R$ 35). Como era um sábado, fiquei com medo de chegar lá na cachoeira e não conseguir entrar por já terem vendido todos os ingressos. Segui as orientações que me deram na agencia e fui de carro até a cachoeira. Distância da vila até a entrada da cachoeira são 10km. Ali se pega uma uma estrada de chão até que se chega na portaria. Ou você mostra o ingresso comprado com antecedência ou compra ali na hora.

Quando for, pergunte na portaria se da para ir com o carro, pois se passa por alguns rios pelo caminho mas não é nada demais. Só é perigoso em época de cheia. Por isso, pergunte ao guarda se da para ir. Liberados, fomos com o carro, passando pelos pequenos rios até que chegamos no estacionamento e começamos nossa caminhada. Existem vários poços até chegar na cachoeira do segredo. Alguns poços são até mais bonitos que a cachoeira em si.

A cachoeira do segredo não costuma bater sol. Venta um pouco ali também. A água é um pouco fria. Somando tudo isso, da uma boa sensação de frio, mas não é nada demais. Da para entrar. Achamos o valor de 35 reais alto para conhecer aquela cachoeira. É bonita, mas ... a gente é mão de vaca.

Conhecido a cachoeira, voltamos para o camping, arrumamos tudo, fizemos o check-out e partimos sentido ao camping (reservado antecipadamente pelo booking.com) em alto paraíso.

Mas antes, pelo caminho, paramos no vale da lua (R$ 20). Lugar muito interessante. Umas rochas bem diferentes. Parece que está num terreno lunar.

Depois voltamos para o carro, seguindo nosso caminho para alto cavalcante... até que paramos no jardim de Maytrea ver o por-do-sol.

Sol se põe do lado esquerdo do jardim, não ficando tão bonito... mas a vista do jardim é linda assim mesmo. Foto clássica da chapada dos veadeiros.

Voltamos para o carro e chegamos no nosso camping em alto paraíso.

Marcelo A Ferreira
Marcelo A Ferreira

Published on 10/02/2019 22:03

Performed from 08/13/2019 to 08/17/2019

Views

1531

Marcelo A Ferreira

Marcelo A Ferreira

Arraial do Cabo - RJ - Brasil

Rox
821

Economista, aventureiro, funcionário público. @mar_celoferreira

Adventures Map
linktr.ee/mar_celoferreira

1012 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Renan Cavichi, Bruna Fávaro and 405 others support the Minimum Impact Manifest