AventureBoxExplore
Create your account
Escalada Pão De Açúcar - Via CEPI

Escalada Pão De Açúcar - Via CEPI

Morro Pão de Açúcar - via Cepi - Rio de Janeiro\RJ

Climb

Escalada - Via Cepi

Morro Pão de Açúcar, Rio de Janeiro/RJ

🧗🏻‍♀️⛰🚠

Iniciamos a trilha as 10h pela Pista Cláudio Coutinho.

A Pista Cláudio Coutinho, também conhecida como Caminho do Bem-te-Vi e Estrada do Costão, localiza-se na Praia Vermelha, no bairro da Urca, na cidade e estado do Rio de Janeiro, no Brasil. O seu nome é uma homenagem ao ex-treinador da Seleção Brasileira de Futebol Cláudio Coutinho.

Linda caminhada pela trilha, na primeira entrada à esquerda segue a trilha que dá acesso ao Morro da Urca e a parede de escalada do Pão de Açúcar, após subir a escadaria de madeira e terra, no final dela tem a bifurcação, esquerda morro da Urca a direita Morro Pão de Açúcar.

CEPI é uma escalada do tipo “via ferrata” - equipada com cabo de aço fixo do início ao fim, culminando no topo do Pão de Açúcar pela face oeste. Para escalá-la não é exigido grau técnico elevado, entretanto, por a via ter trechos verticais e negativos, é necessário ter um bom condicionamento físico! Para aqueles que estão dispostos a encarar o desafio, a CEPI também pode ser escalada em livre.

As 11h chegamos no imenso paredão de pedra do Pão de Açúcar , com seus 230m de altura, algo assustador para quem estava escalando pela segunda vez 😬.

Esta Linha em vermelho seria nosso trajeto.

Nos equipamos, repassamos os procedimentos, e o Daniel começou a guiar, eu dando segurança para ele, com o maior cuidado, pois qualquer falha pode custar a vida do seu parceiro de escalada.

Ele atingiu a primeira parada dupla, e finalmente eu começaria a subir, coloquei o pé no estribo e neste momento parece que meu coração parou, subi 3 degraus e me senti solta na pedra, parecia que não tinha como prosseguir para aonde ir, me abracei naquele paredão e pedi forças e coragem, para subir e sentir a energia de tudo aquilo que me foi ofertado, pela vida.

Início apavorante 😬

Respirei fundo, e me pus a prova comigo mesma, sou capaz e vou me superar, fui subindo aos poucos, tirando as costuras me concentrando e olhando cada lugar para por a sapatilha e as mãos e fui progredindo com sucesso pelo paredão.

Meu amigo e professor Daniel, sempre de olho e mim, cuidando meus movimentos e me orientando,

até chegar nas paradas duplas e começar tudo de novo.

Quando estava no meio da parede achei que aquele lugar era grandioso demais para mim, achei que não seria capaz de continuar, conversei com Daniel, ele só me ouviu, e me observou, ele acreditava mais no meu potencial do que eu mesma.

Fizemos um lanche na fenda que possui na subida, descansei e pensei...pensei....pensei... porque tanto medo de não conseguir, já estou aqui só preciso continuar, então falei, vamos lá, quero chegar no final, uma força e uma energia tão grande tomaram conta de mim neste momento🤩

Sou forte e vou conseguir 💪🏻

Logo depois peguei uma parte da parede molhada, minha sapatilha resbalou algumas vezes, bati os cotovelos e joelhos na parede, mas agora já estava segura e confiante de mim mesma que seria capaz de conseguir

nesse momento a mente já sabe o que quer, porém o corpo começa a dar sinais de cansaço.

Quando chegou os últimos 40m já estávamos bem abaixo do bondinho, Daniel já estava lá em cima me dando segurança para subir, este foi o maior trecho de corda, pulados uma parada dupla e não ancoramos nela, ficar sem ver o Daniel na parede me deixava insegura, mas falei para ele, que poderia subir eu ficaria bem.

cada passo era uma felicidade de estar conseguindo atingir meu objetivo, quando encontrei Daniel na última parada dupla comecei a chorar de tanta emoção aí olhei para o lado e todos os turistas estavam me aplaudindo, fiquei tão feliz por mim e por ser reconhecida pelo meu esforço, foram 4 horas na parede, para uma aluna de segunda escalada me senti muito feliz.

Sempre acreditei que nada acontece por acaso nessa vida, tanta chuva em Teresópolis nos levou até o Rio de Janeiro para esda escalada, Daniel meu mentor e hoje digo meu amigo acreditou em mim, e hoje sei que a escalada nos ensina valores de confiança e amizade inigualáveis.

Fui desafiada, fiquei apavorada, me controlei, me superei e descobri que o presente mais lindo vem depois dos maiores medos e dificuldades.

Equipamentos:
1 corda 60 metros;
2 paradas duplas;
12 costuras;
2 estribos;
2 fitas longas;
Mosquetões de rosca;

Freios;

Baudriers;
Capacetes;
Sapatilhas;
Solteiras;

😇 obrigado ao Daniel, excelente guia

contato (21)98638.3857

https://instagram.com/danielmichaelmiller?igshid=qvcthakqfna8

@terrasaltasexpedicoes
https://instagram.com/terrasaltasexpedicoes?igshid=rmyggderd92n

🚠 Descemos de bondinho para ver o incrível paredão que subimos, nem

acreditei quando olhei 😮

A cada arranhão uma história, a cada conquista um aprendizado, se deixe viver loucuras e sonhos, a única coisa que nunca ninguém serã capaz de te tirar de ti, é o que você viveu 🌞viva e não Sobreviva.

Para encerrar com chave de ouro, esse turbilhão de emoções rolou aquele cachorro quente na Praia vermelha Com direito a cara lambuzada kkk ser criança é ótimo.

Marina Brum
Marina Brum

Published on 11/23/2020 11:00

Performed on 11/08/2020

Views

301