AventureBoxExplore
Create your account
Escalada no Morro da Urca

Escalada no Morro da Urca

Escalada no Morro da Urca Setor Coloridos Via Arco-íris (3 III Sup E1 D1 90 m) CBM Clube Guanabara

Climb

Essa escalada foi uma atividade do Curso Básico de Montanhismo, do Clube Excursionista Guanabara, onde nos foi passado os procedimentos de segurança, escalada e rapel. Como eu já havia feito o Curso Básico de Escalada em rocha em 2017, foi uma ótima forma de reciclar meus conhecimentos. Estava mais de dois anos sem escalar em rocha e foi ótimo retornar à ativa.

Começamos bem cedo a atividade, as 6 horas da manhã, e as 7 horas o sol já estava mostrando que não seria um dia ameno. Ficamos um tempo na base da via, analisando o croqui e aguardando a primeira dupla chegar na primeira parada.

Assim que a dupla começou a ir pra segunda parada começamos a escalar. O Rodrigo Marra, instrutor do CEG checou meus equipamentos, eu também os dele, e começou a escalar. O crux da via é uma passagem de III Sup em aderência, conhecida como saboneteira, que foi transposto pelo Rodrigo com todo o cuidado. Assim que ele chegou na parada e se prendeu, desfiz a segurança dele e comecei a calçar a sapatilha. Ele recolheu a corda e aí comecei a tocar pra cima.

Nessa primeira enfiada comecei a sentir os efeitos do dia anterior, pois havia bebido um pouco além do que deveria, na mureta da Urca, e não tive uma noite tranquila de sono. Consegui passar o crux com certa dificuldade e cheguei na parada não me sentindo muito bem. Comuniquei meu mal estar ao guia e peguei uma garrafa de gatorade na mochila. Deu uma golada generosa que funcionou! Como já me sentia melhor e a parte mais difíciil já havia passado, resolvemos continuar a subir.

Chegando na segunda parada senti uma sensação de alívio, pois dali seria só prepararmos o rapel e finalizarmos a escalada. Apesar de ter sido muito gratificante, não aconselho a ninguém escalar de ressaca.

O rapel é feito em diagonal para se desviar da vegetação e deve-se tomar cuidado para não pendular e ir parar no meio das bromélias.

Ricardo Ávila
Ricardo Ávila

Published on 03/15/2020 23:37

Performed on 03/15/2020

Views

302