AventureBoxExplore
Create your account
Viviane 09/05/2018 17:14
A montanha que está dentro de nós!

A montanha que está dentro de nós!

Um relato dolorido em que numa viagem decidi que precisava mudar.

Sobre renascer na escalada…

2013 foi quando tudo começou…todos temos aquele motivo especial para começar, um amigo, um lugar, uma necessidade…esse foi meu caso, a necessidade de me sentir capaz!! Podia ter sido qualquer esporte que me desse uma dose de adrenalina que fizesse eu sentir algo anestésico no momento. Por “sorte” foram as pedras e as pessoas certas que surgiram em meu caminho.Me apaixonei… viciei…queria estar cada vez mais entranhada naquele meio, ouvindo histórias, conhecendo lugares e pessoas, sentindo o cheiro de magnésio misturado com terra, líquens e musgos…Estar em lugares onde me sentia livre de rótulos, onde eu era apenas a “Vivi da escalada”, eu não precisava me apresentar, ninguém se importava com meu Lattes, Linkedin ou Instagram, ali eu era apenas a vibe, da base ou a próxima da via… Isso é, sobretudo, fascinante!!Os anos foram passando…e eu fui entendendo o que era escalar…toda a vez que eu subia, era como um olhar infinito no espelho…sou eu ali, meus medos, inseguranças, meu ego!

Tudo o que vivia no dia a dia passava em minha mente, filme após filme, todos deixando a sensação de impotência…e assim minha escalada chegou ao ápice e iniciou seu declínio…quando saturou aquilo que eu podia suportar de confusão e pressão mental na parede…Meses foram passando, a necessidade de estar em contato com a escalada continuava, mas a felicidade que antes eu sentia, se transformava em angústia, frustração e culpa. Já não era mais lazer e sim um sacrifício! Como eu podia ter tudo ao meu alcance, ter o físico em pleno estado, as melhores companhias e não ter mais vontade de evoluir, de ultrapassar barreiras, de cair….eu vivia das minhas desculpas!!Neste ano eu tive a oportunidade de realizar um sonho que passei a ter quando conheci a escalada…Ir a Piedra Parada, na Argentina!!

Eu idealizei essa viagem…olhava fotos e me imaginava naquelas vias…tinha certeza que lá, naquela meca sagrada, eu encontraria o portal secreto da mudança e voltaria de lá “curada”.E assim foi…imagine você, escalador, num lugar como esse e não escalar nada, paralisar em toda as vias antes mesmo de entrar, apenas em uma ou outra a janela do acaso abria-se para eu chegar até o final e ter aquela sensação de “Ufa!! Valeu a pena vir até aqui!”…Migalhas do embuste!! Sim, não aproveitei nada, nada, nada do que imaginei e aquilo me frustrou de tal maneira que eu passava os dias pensando, que na volta pra casa eu precisava tomar uma decisão…ou faria algo para mudar, ou venderia meus equipamentos!! Dramático, entretanto, real!! (Ainda bem que uma viagem até lá jamais é perdida, é um paraíso.)

E foi assim que decidi enfrentar o nó que me amarrava e somente eu poderia frouxar…o MEDO!Primeira decisão, aceitar que precisava fazer algo por mim! E fiz. Busquei o entendimento do porquê tanto medo, logo percebi que não era só na escalada que ele me bloqueava…estava me boicotando nas amizades, escolhas profissionais, relacionamento, decisões….e ouvindo indicações e sugestões, foi através de uma longa e dolorosa sessão de reprogramação e aceitação que descobri coisas sobre mim, reconectei com minha essência e renasci (caso interesse posso falar mais sobre o método inbox).

Renasci…não vou entrar nos méritos do que eu fiz para mudar e sinceramente não consigo explicar…importa é ficar claro aqui que nada muda se isso não começar por dentro de nós e nada muda enquanto não aceitarmos que algo precisa mudar!! O banco dos vitimistas anda ao nosso lado na certeza de que sempre voltaremos para ele.Muda isso!!! Levanta e faça algo…seus limites são impostos somente por você!!Eu finalmente entendi que a escalada não era mais a minha fonte de coragem, não precisava escalar para provar algo, que sou forte ou capaz.

A escalada passava a ser na minha vida apenas fonte de Felicidade.Hoje eu escalo para nutrir meu coração!!Troquei o medo que me paralisava, pela intuição de procurar possibilidades! Minha escalada passou a ser cheia de alegria e ao mesmo tempo extremamente focada!! Tenho o objetivo de evoluir, de poder experimentar graus mais difíceis, por paixão e aquele pânico em relação a queda, foi transformado em simples consequência da escalada…Sei que vou cair e repito antes de entrar em alguma via “Cair é bom, eu gosto de cair e eu sei cair.” e quando a perna começa a tremer murmuro para que minha cabeça e meu coração ouçam: O que posso melhorar?”Posso dizer que existe um divisor de tempo, 4 meses atrás até então, escalei muito, muito mais que desde 2013…com mais qualidade e vislumbrando coisas lindas por acontecer…

Enfim, quero compartilhar que quando seguimos o coração, aquilo que é pra ficar, que é verdadeiro, fica, o universo conspira para o que de verdade queremos, desde que busquemos…Cada um de nós pode encontrar o seu portal! Aceitei que algo estava errado e baixei as barreiras, estou plena e feliz na busca dessa evolução, que reflete em tudo na vida. Depende apenas de mim, o sentimento que vou levar para base quando descer de cada via que eu entrar!!

Vivi.

Viviane
Viviane

Published on 09/05/2018 17:14

Performed from 02/16/2018 to 06/28/2018

Views

1317

2
Jone Rodrigues
Jone Rodrigues 03/31/2019 23:06

Belo texto!

Sabrina Marques
Sabrina Marques 04/17/2019 19:09