AventureBoxExplore
Create your account
Escaladas no Cerro Catedral - Refúgio Frey

Escaladas no Cerro Catedral - Refúgio Frey

Um dos melhores lugares de escalada tradicional do mundo! Fissuras perfeitas, boa energia, pessoas especias, a combinação de dias mágicos.

Climb Mountaineering

Desde a primeira vez que conheci o Frey em 2014 não parei mais de ir, e todas as temporadas de verão até agora passo algumas semanas instalado entre essas imponentes agulhas de granito perfeito! Foi a minha escola de escalada em fissuras, onde descobri e pude desenvolver esse estilo de escalada, entrando em outro ponto desse universo vertical.

O pico é conhecido internacionalmente como um dos melhores locais para a prática de escalada tradicional, e reúne a cada temporada gente de todo o lado do mundo que se instala por ali para desfrutar da escalada. O local é de fácil acesso e está próximo da cidade Bariloche. Fica inserido entre as montanhas do Cerro Catedral, onde está o Refúgio Emilio Frey, que é a base dos escaladores que ficam por ali, a 1.700m de altitude.

Creio que o número de vias de escalada atualmente gira em torno de 500, de todos os estilos e graus, a grande maioria é de escalada tradicional, grande parte conquistada nos anos 60, 70 e 80. É um dos locais pioneiros da América do Sul, e conhecido por ser uma excelente escola para encarar outros setores de escalada, apesar de ter vias extremamente difíceis.

O estilo de escalada do Frey é diferente, tem uma exposição e um comprometimento maior em tudo o que se faz, para alguns essa é a essência da escalada, aproximações mais longas e técnicas, vias totalmente em móvel, o compromisso de chegar no cume, já que em algumas vias não existe a possibilitar de abandonar no meio do caminho, e o clima da patagônia que apesar de ser bastante estável no verão, sempre mostra sua cara com fortes ventos quando menos se espera.

A soma de todos esses fatores cria uma magia na escalada, que vai se juntando com todo esse estilo de vida de estar na montanha. Chegar cansado de um longo dia de escalada, preparar uma boa comida, compartilhar com os amigos, se juntar para fazer uma música de improviso, dormir, acordar cedinho arrumando todos os equipamento e depois seguir nesse mesmo ritmo, e repetir isso por quanto tempo tiver vontade.

A temporada de escalada é durante os meses de verão, mas pode começar um pouco antes e se estender até o começo do outono. Além do refúgio de montanha é possível acampar no local mediante reserva prévia antes de subir. E é ai que nos instalamos durante dias, semanas ou meses, muita gente vem de longe e passa muito tempo nas montanhas, com a possibilidade de baixar até Bariloche e se abastecer de comida para seguir um pouco mais.

Durante a temporada é fácil ter dias seguidos de excelente clima, com sol, céu azul e temperatura agradável durante a noite e o dia. As vezes chega alguma tormenta inesperada, mas ter um refúgio perto cheio de refugeiros e pessoas boa onda para compartilhar faz do local um pico especial.

Hoje, além de passar muito tempo escalando por ai, consegui fazer com que esse paraíso também fosse nosso local de trabalho, o local também é muito freqüentado por caminhantes que buscam trekkings e travessias, já que ai se inicia a clássica Travessia dos Refúgios, que conecta alguns refúgios de montanha que estão na crista da cordilheira, uma travessia de montanha incrível que pode ser feita completa em cerca de 4 dias ou em 3 dias conectando apenas os Refúgios Frey x Jakob. Assim criamos alguns grupos de brasileiros e todos os anos podemos apresentar e compartilhar esse paraíso.


Com muita alegria sabemos que na próxima temporada vamos estar outra vez por essas montanhas e cumes, seja compartilhando momentos com nossos clientes, que se tornam amigos e vivem essa mesma magia com a gente. E também escalando nesse mundo vertical de infinitas possibilidades.
Thiago Freela

www.cumbremontanhismo.com.br


Thiago Freela
Thiago Freela

Published on 10/02/2018 21:47

Performed from 02/02/2018 to 04/02/2018

Views

1227

Thiago Freela

Thiago Freela

Mantiqueira | Patagônia | Himalaia

Rox
318

Montanhista, escalador, viajante. Vivendo entres as temporadas de montanha na Serra da Mantiqueira, Patagônia e Himalaia como guia de trekking da agência Cumbre Montanhismo

Adventures Map
www.cumbremontanhismo.com.br

501 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Bruno Negreiros, Fabio Fliess and 396 others support the Minimum Impact Manifest