AventureBoxExplore
Create your account
TRAVESSIA LARANJEIRAS X FUNIL

TRAVESSIA LARANJEIRAS X FUNIL

Primeira travessia do projeto travessias Travessia de três canyons - laranjeiras - portal - funil .

Camping Canyon Trekking

Entao , começando com meu projeto de travessias a primeira escolhida foi a travessia do canyon laranjeiras até o canyon funil passando pelo canyon portal .

Um mês antes começando a organizar essa Travessia nada muito técnico apenas coletamos algumas informações .

O Thiago esteve pela região a passeio e acabou indo até o laranjeiras tirar algumas dúvidas e pegar os contatos dos proprietários dos canyons.

Com algumas informações já em mãos decidimos a data e começamos a nós preparar , meus horários são complicados então decidimos fazer essa Travessia em três dias usando a segunda feira .

Chegou nossa data da travessia programada para dia 5/06 . Assim que eu chegasse do serviço pegaria o Thiago e iríamos e foi assim que aconteceu , cheguei por volta das 2:30 de sexta pra sábado peguei o carro e fui buscar o Thiago . Pegamos estrada até bom jardim da serra , escolha errada de caminho nos custou um pneu furado e uma dúvida se acabaríamos aqueles 50 km de estrada de chão sem furar outro pneu , andamos mais alguns quilômetros e chegamos em uma ponte ande dizia que estava proibida a passagem 🤦‍♂️. Não iria voltar tudo que já tinha andado então , decide atravessar a ponte a pé pra ver o estado que se encontrava .

Foto : Ponte

Com uma breve análise décimos atravessar , com os vidros abertos caso acontecesse algo , " não sou bobo " 😂 . Contei essa parte aqui só pra mostrar as cagadas que fizemos 🙅‍♂️.

chegamos em bom jardim da serra por volta das 9 da manha e fomos até o canyon laranjeiras aonde inicia a travessia . Então chegando lá conversamos com o pessoal que nos atendeu e ja começamos a organizar as mochilas , pois já era tarde .

Já havia outros grupos iniciando a Travessia e outros chegando . Terminamos de arrumar as cargueiras e iniciamos , com algumas informações basicas do pessoal do canyon entramos em uma trilha do gado que dá acesso ao canyon . Começo muito de boas ,trilha larga e bem demarcada , não tem erro .

Seguimos a trilha e logo a frente chegamos no campo aberto , já avistando o canyon . A trilha não deu 3 km . Lembrando que estávamos seguindo uma trilha do wikiloc .

Chegamos no canyon , caminhamos pela borda do lado esquerdo aonde tem uma vista linda dos paredões .

Ficamos ali um pouco e já seguimos caminho , a ideia era fazer a metade do trajeto no primeiro dia .

Bom a partir do canyon em diante começou a aventura , passamos pelo outro lado do canyon e seguimos em direção a uma floresta aonde iríamos ir costeando ela até sair em outra parte dos campos com umas vistas para lugares que ainda quero conhecer .

Passamos a floresta passando por alguns charcos e atravessando alguns rios . Já molhei os pés de entrada , isso me custará lá na frete 🤦‍♂️

A esquerda de onde estávamos tinha um platô que dava pra ver as Pirâmides sagradas , um lugar que ainda quero acampar , apenas olhamos de longe e seguimos nosso caminho para o outro lado . Subindo alguns barrancos chegamos em outro pico com uma vista linda pra cidade de Orleans .

Depois desse ponto descemos até chegar na trilha dos Pinheiros . Começo bem demarcado pelas vacas . Aqui já era por volta de 13:00 aonde decidimos parar pra comer um lanche e descansar um pouco . Descansamos e começamos a organizar as coisas pra seguir a trilha que seria só subida . Já estávamos colocando a mochila quando chegou o Everton um trilheiro de Criciúma que estava tbm fazendo a travessia . Ele se juntou a nós e seguimos subindo pelo pinheiros , sem muita visibilidade de trilha mais sabendo que teríamos que chegar no topo .

Subida um pouco cansativa mais nada absurdo , chegamos na parte de cima e novamente fomos costeando pelas bordas dos canyons .

A partir daqui se caminha pelos campos abertos , fica muito mais rápido e visível o caminho .

Já conseguimos avistar o canyon portal e outros pontos da travessia , alguns trechos com muito charcos e meus pés começam a me dar problemas , sentia um desconforto devido a estarem molhados .

Caminhamos mais alguns quilômetros até encontrar o amigo da nossa cidade, O Cássio que estava fazendo a travessia inverso , funil x laranjeiras . Conversamos um pouco e seguimos caminho . Logo a frente avistamos outro ponto mais alto da travessia aonde subimos pra ter alguma visão mais a frente . Ali lembramos sobre uma cachoeira que tinha no caminho . Então descemos e fomos tentar procurar . Ou melhor o Everton foi procurar por que meu pés já estavam me incomodando . Enquanto ele foi procurar pela cachoeira optei por secar meus pés e colocar meu tênis que havia trazido. Escolha certa !

Cachoeira encontrada , voltamos para nosso caminho , já era quase fim de tarde tínhamos ainda 1 hora de sol . Então decidimos ficar pelo canyon portal . Achamos o melhor lugar para nós abrigar do vento e montamos acampamento .

Até aqui havíamos caminhado 15 km .

Acampamento montado , cada um foi pra suas barracas descansar , fazer suas jantas .

Como eu estava de virada sem dormir, resolvi dormir um pouco e depois fazer a janta , estava bem cansado .

A noite deu alguns pingos de chuva nos alertando o que seria nosso segundo dia de travessia .

Acordamos cedo , o sol encabulado entre o canyon e algumas nuvens escuras , tiramos algumas fotos, tomamos café e descontamos acampamento .

O sol se escondeu atrás das nuvens e logo o tempo virou , a neblina tomou conta de todo o campo.

Nosso segundo dia foi assim , sem muita visibilidade , a sorte que estávamos usando o wikiloc , se não teríamos que ir pelas bordas dos canyon algo que faria perder muito tempo .

Muito sobe e desce nessa parte , caminhamos em direção ao ponto mais alto da travessia , aonde teria a primeira vista do canyon do funil.

( A vista que não tivemos devido a neblina )

Foi a subida mais puxada de toda Travessia , porém com o templo nublado nos ajudou. Desse ponto até o funil acho que foi mais umas 2:30 se não me engano .

Pegamos esse trecho de mata descendo o ponto mais alto , aonde a trilha não é bem marcada e erramos um pouco o caminho. Mas sabemos que tinha que descer então só fomos 🙅‍♂️

Chegamos próximos ao canyon do funil mais alguns caminhos de mata pra atravessar , alguns córregos e passamos por um possível ponto de acampamento pra quem quer se esconder do vento .

Um lugar legal de acampar , próximo ao canyon funil .

Depois daqui seguimos mais um pouco, e encontrarmos um córrego de água , aonde abastecemos as garrafas , até por que a ideia era acampar no funil. Por que nosso resgate iria nos buscar na segunda feira .

Passamos duas cercas e logo chegamos no canyon do funil. Queria muito ver aquela vista do funil que via em fotos . Porém não foi dessa vez me lasquei 🤦‍♂️

Lembrando que pegamos chuva logo após sair do acampamento . Foi quase o dia inteiro chovendo .

Essa foi nossa vista do canyon do funil , por que abriu um pouco o tempo se não , não ia ver nada.

Ficamos um pouco ali pra ver se abriria mais o tempo e descidindo se acampariamos por ali , nesse meio tempo recebemos visitas que vieram lá da serra do Rio do rastro .

Tinha uns 8 Quatis famintos e amigáveis

Bom , o tempo não mudou e parecia que não mudaria , era cedo ainda e descidimos finalizar a travessia no domingo mesmo .

Obs: o Thiago não tava muito de acordo não 😂

seguimos a estrada do funil , daria mais umas 2:00 até a porteira , lembrando que estávamos sem nosso translado e sinal do telefone .

Chegamos na porteira e seguimos pelo asfalto até uma churrascaria que tinha ali próximo , uns 3 km de asfalto .

Chegamos na churrascaria e pedimos pra usar o banheiro pois estávamos todos molhados , trocamos de roupas e aí começou nossa aventura atrás de alguém pra nós buscar kkkkk .

Foi uma lota até que o rapaz da churrascaria nós ofereceu carona até a cidade de bom jardim da serra . Aceitamos e ele nos deixou em uma pizzaria. Salvou o rolê 🤘

Descemos na pizzaria ,tinha até lareira , caralho colocamos a mesa enfrente a lareira 🔥 pedimos uma pizza e devoramos , foi lindo de ver .🙃

Depois que já estávamos alimentados lembramos que ainda tinha que conseguir uma carona até o canyon do funil aonde estava nosso carro e a moto do Everton .

Então liga aqui liga lá , consegui o número do Gigio proprietário de uns chalés próximo ao canyon . Cara super gente boa .

Conseguiu um chalé pra nós num valor bacana e ainda levaram um carro pra nós até a pizzaria .

Não mandou ninguém buscar a gente não , deixaram o carro lá pra nós ir até a pousada dele , era uma caminhonete de dois lugares então jogamos as cargueiras atrás e fomos os três espremidos dentro 😬

Chegamos lá fomos buscar o carro , e voltamos para o chalé . Banho quente , cama, depois de uma travessia tem seu valor .

Acordamos cedo e fomos tomar café , conversamos um tempão com o casal da pousada e partimos .

Tinha que levar o Everton ainda até a entrada da trilha pra ele ir buscar a moto dele .

Assim finalizamos , deixamos ele na trilha , e seguimos rumo a caxias .

Mais uma Travessia concluída com sucesso 🤘

Essas travessia faz parte do meu projeto pessoal de travessias que quero fazer esse ano , nas matérias do meu perfil tem a lista de Travessia que quero fazer .

Próxima Travessia : Travessia das cumeeiras em julho .

Participantes :

Everton poli

Thiago lazarri

Douglas Dessotti

Douglas Dessotti
Douglas Dessotti

Published on 06/10/2021 18:05

Performed from 06/05/2021 to 06/06/2021

2 Participants

Trilhas Insanas Thiago Lazzari

Views

136

5
DEISE MAGNUS SCHINEIDER
DEISE MAGNUS SCHINEIDER 06/10/2021 19:52

Que travessia incrível hein.... showww.... Segura o Douglas e o Tiago.... admiro de mais as histórias de vocês. Obs.: o golzinho sempre contando uma história nova hahahha... e aquela ponte do início, senhorr...deu medo...corajosos!!!!

Douglas Dessotti
Douglas Dessotti 06/10/2021 20:05

Só tem a piorar ops melhorar 😂😂

Edson Maia
Edson Maia 06/11/2021 10:12

Irado, Douglas! Ainda bem que conseguiu resolver o perrengue dos pés molhados... essa é a minha sina quase sempre... só que eu nunca levo um tênis extra..kkkk Essa trilha está na minha lista tb. Parabéns!

Douglas Dessotti
Douglas Dessotti 06/11/2021 16:06

Pois é Edison , pés molhados chega uma hora que incomoda . Achei muito massa a travessia faria de novo só que em 4 dias pra curte bem cada pico .

Edson Maia
Edson Maia 06/14/2021 07:51

Mais tempo é sempre a melhor pedida para realizar qualquer aventura. Quem gosta de cruzar montanha de olho no relógio é a turma do trail running, kkkk

Douglas Dessotti

Douglas Dessotti

Caxias Do Sul

Rox
722

Mtb Trekking Bikepacking Travessias Administrador do grupo TRILHAS INSANAS Administrador do grupo bikepacking caxias

Adventures Map

3 Posts


1474 Following



Minimum Impact
Manifesto
Rox

Bruno Negreiros, Peter Tofte and 386 others support the Minimum Impact Manifest


Together
Inclusive Adventures
Rox

Renan Cavichi, Bruno Negreiros and 142 others support the Together page.