AventureBoxExplore
Create your account
Pico do Corcovado e 7 Praias

Pico do Corcovado e 7 Praias

O que você consegue fazer em 24h??

Hiking Mountaineering Road Trip

Pico do Corcovado e Trilha das 7 praias

Após minha primeira vez no Corcovado e infelizmente não tendo uma bela vista, por conta de uma nuvem que estava só no cume, quando descemos e fomos para a praia pegamos um sol de lascar, fiquei com aquela sensação de tenho de retornar o quanto antes e assim nasceu o começo de mais uma aventura.

Data definida grupo montado e uma frente fria acabou desanimando a todos e decidimos prorrogar. Conversa vai, conversa vem e definimos mais uma data com base nas díficies folgas do Lima.

Grupo montado: Eu, Kelly, Lima, Todesco e Alanzinho porém um contra tempo de última hora acabou tirando Alanzinho do role e infelizmente por ser de tão última hora não conseguimos mais ninguém para ir.

A ideia era simples, Subir o Corcovado descer e fazer as Sete praias, já que no dia seguinte o Lima já teria que estar no trabalho as 5h. Quando falei para eles do roteiro eles duvidaram que daria tempo ou se daria pra aproveitar bastante. Pode confiar! disse e a eles e bora lá.

Lima veio até o meu bairro e aproveitou veio até minha casa e nos esperou terminarmos de arrumarmos tudo e nos levou até sua casa. Kelly como sempre demorou horas no chuveiro e nos atrasou. Ainda tínhamos de passar no mercado e irmos pra casa dele pra ele arrumar suas coisas também e ai sim irmos até o encontro do Todesco que mora em Mauá. Acabamos nos atrasando com o horário combinado mas mesmo assim estava tudo sob controle. Chegamos no Todesco e lá nos esperava duas pizzas para a janta, pedimos pra ele ir pedindo e avisamos que poderia ser de qualquer sabor menos de CALABRESA e o desgraçado pediu de calabresa kkkkkkkkk já havia feito a ligação, paciência né. Seus pais super atenciosos nos acompanharam na janta e como tinha arroz e feijão misturamos a comida de um bom brasileiro com pizza e carne moída, toda força é necessária para subir um pico hahahaha

Enfim nos despedimos de barriga cheia e fomos para o posto encher o tanque e pegar a estrada, nessa hora ele me entrega o carro e fui conduzindo todos já que tinha descansado bem para poder dirigir. A viagem estava bem rápida, por mais que eles estivessem cansados todos foram conversando e se divertindo e imaginando o sofrimento, apenas eu e a Kelly conhecíamos a trilha, até que em um certo ponto da Tamoios obras nos atrasaram e fizeram a gente perder 45 min no trânsito. Agora a subida teria que ser mais forte para que não perdessêmos o nascer do sol, o que seria o ponto alto da madrugada.

Chegamos no início da trilha, era por volta de 2:20 da manhã, deixamos o carro na casa do Sr. Tozaki e até o chamamos mas essa hora era difícil ele estar acordado,porém com o barulho que os cachorros fizeram fizemos uma tentativa. O relógio batia 2:30 e enfim iniciamos a subida,uma noite muito agradável e gostosa de se andar eu quis colocar um pouco de emoção naquela trilha e em vez de ir na direção correta queria ir por outro lugar pelo rio um pouco antes, vi que foi ideia de idiota e começamos a varar mato pra chegar na trilha original já que nosso horário estava apertado. Íamos freneticamente sem parar e ai começaram a acusar os desgastes de noites mal dormidas (Kelly) uma caganeira repentina (Lima) mas tínhamos que prosseguir, o objetivo era certo e claro.

Logo chegamos ao primeiro mirante, céu estrelado, luzes da cidade, estava tudo muito bonito e bota pra subir. Fizemos uma parada nas bifurcações para juntar o grupo e uma parada maior para descanso e coletar água no ponto mais próximo do cume. Já estava com um horário bem apertado e dali em diante não teria sérios problemas na trilha, apenas a subida sem fim. A placa indicando 1000m de altitude estava agora na minha frente e resolvi esperar eles, já se passava de 5:30 e o medo de perder o nascer era grande. Após alguns minutos o Todesco chega, mais alguns minutos e era a vez do Lima, esperamos mais 10 min e nada da Kelly que estava bem exausta,gritávamos e nada. Decidi prosseguir por que sabia que ela conhecia a trilha e sai em disparada com os caras me seguindo e a primeira vista que tivemos foi íncrivel, o pico estava ali na nossa frente, o laranja no céu era absurdo mas não podíamos perder muito tempo, por que ele era nosso inimigo no momento.

Fomos voando, Toesco ficou pra trás, as cãimbras o pegaram mas sempre numa distância segura, para ele ver onde teria que ir. Enfim chegamos nos últimos 200m eu e o Lima esperamos mais um pouco para que o Todesco pudesse ver onde ele teria que subir. Já eram 5:56, apenas disse agora nos vemos apenas no cume meus amigos e subi aquilo o mais rápido que tudo, quando cheguei no cume minha surpresa era 6h em ponto, a motivação fez eu voar por mais que eram trechos bem ruins de escalaminhadas e bem íngreme. Já aprontei minha câmera e fiquei a espera deles, o nascer estava previsto para 6:13, gritava mas ninguém me escutava o vento era muito forte, aquela vista era magnífica enfim consegui pegar aberto e vendo as ilhas, praias e cadeias de montanhas a perder de vista. Escuto uma voz, era o Lima perguntando em qual lado eu estava, apenas gritei DIREITA e lá vem ele 6:10, ufaaa conseguiu chegar antes do nascimento do astro rei.

Fizemos inúmeras fotos e comemoramos bastante e ai algo nos intrigou por que as 6:24 chega a Kelly e a pergunta que não calava era cade o Todesco? já que ela mencionou que não o viu no caminho e já que estava sentindo fortes dores ficamos preocupados, já a Kelly quis nem saber e foi direto para o livro kkkkk mas logo vimos ele voltando havia chego poucos minutos antes da Kelly e foi para o lado esquerdo. Time reunido era só curtir, tirar fotos, assinar o livro e aproveitar aquela vista comendo os lanches.

A Kelly literalmente desmaiou no cume e foi dormir la em cima, jogada no chão, cena impagável e não podia ficar sem foto kkkkk ficamos duas horas lá aproveitando e então começamos a descida já que nosso dia era bem longo ainda. Sem maiores problemas fomos aproveitando as vistas que antes eram só escuridão. Descida que judia os joelhos de todos mas fomos empolgados sabendo que aquela praia ou melhor as praias maravilhosas nos aguardavam. Chegamos praticamente nos últimos metros e avistamos um carro branco e agora? será que era fiscalização ou nada demais, como saber né. Todesco foi a frente bem lentamente para ver se avistava algo e retorna dizendo que tinha algúem por lá, resolvemos não arriscar e entramos para dentro da propriedade e fomos varando mato até encontrar novamente a casa do Sr. Tozaki e ele estava ali já e nos explicou que eram guias que ficam por ali mas que logo iria embora e realmente chegamos no carro e não tinha mais ninguém por lá. Ficamos conversando com ele e ainda fez um cafézinho para o Lima e o Todesco, é uma simplicidade em pessoa, como é bom conversar com pessoas assim, e começou a contar as hitórias de onças da região. Infelizmente não poderíamos ficar mais, porém ele ainda nos deu dicas sobre as praias e assim entramos no carro e fomos em direção a praia da Lagoinha.

Chegamos a praia e não fomos para o início tradicional da trilha onde as pessoas param dentro do condomínio, paramos mais a frente, bem a frente, na metade da praia praticamente. Largamos o carro lá com o estacionamento pago a famosa zona azul, nos trocamos e nos jogamos no mar já, andamos pela praia compramos um picolé e mais um "tibum" em águas salgadas e logo encontramos o início da trilha. Fomos indo juntos até um certo ponto em que duas belas mulheres passaram por nós e o Lima e o Todesco saíram correndo atrás pra ver se arrumavam algo, mais a frente encontramos eles resmungando que não deram bola hahahhaaha mas pensa na energia que esses caras ganharam.

O dia era belo e quente e fomos até o final voando na trilha, paravámos nas praias, tiramos as fotos, comemos os lanches e continuavámos a levar nossas botas que só foram passear por que todos levaram na mão e fizemos a trilha inteira descalços. Quando chegamos na penúltima praia ai sim colocamos a bota e seguimos trilha, pois o pé já tava daquele jeito kkkkk É uma trilha bem fácil com pouco esforço mas tem alguns morros que com aquele sol judia as vezes, no nosso caso pelo fato de já ter subido e descido o corcovado era pior, as pessoas que contavamos nos chamavámos de loucos por já ter feito isso e ter entrado tarde na trilha, mas acontece né hehehe

Chegamos a última praia e fomos tomar algo gelado e procurar um meio de voltar para a praia da lagoinha. ônibus iria demorar e o único uber que aceitou a corrida cancelou, tentamos uma carona e sem sucesso. O pessoal do barco cobrava um absurdo então nossa única alternativa as 17:30 era retornar a trilha inteira kkkkkk e assim foi até chegarmos na lagoinha e nessa hora o que mais sentimos foi a escolha ue fizemos de querer deixar o carro mais longe, pois parece que foi mais longe andar aquela praia toda do que todas as outras hahahaha

Enfim o carro, nos trocamos e nos limpamos entramos no carro e partiu. Levei metade do caminho mas nas curvas da serra, pessoal ficou medo, não estão acostumados a andar com piloto profissional hahahaha e mais a frente entreguei para o Todesco, onde o safado também correu só não eram curvas kkkk enfim, chegamos mais uma vez em sua casa e lá uma janta muito boa nos aguardava, agradecimentos aos pais do Todesco.

Agradecimento ao time inteiro e quem disse que não da pra fazer nada em 24h hein!?

Kelly, Lima e Todesco

_____________________________________________________________________

SP x ubatuba - 4h

subida corcovado - 3:30h

2h no pico

3h descendo

1h tomar café,conversar com sr Tozaki e ir até a pria da lagoinha

4h sete praias

2:30h voltando sete praias

3h subindo a serra

Totalizando - 23h

_______________________________________________________________________

@semdestinoooo

2
Angelique J. Oliveira
Angelique J. Oliveira 09/11/2020 13:34

Parabéns!! foi minha primeira montanha ! inesquecível ver o sol nascer no mar! ventos da montanhas pra vcs!!

Kalidon Albuquerque
Kalidon Albuquerque 09/12/2020 14:24

Obrigado Angelique!! Realmente lá é muito lindo, minha primeira vez acabei pegando muita neblina e vi pouca coisa, mas o que pude ver só me ter mais vontade de ir novamente pra pegar tudo aberto e ainda bem que deu certo rss... Amei a saudação!! Bons ventos da montanha pra vc tbm!!

Kalidon Albuquerque

Kalidon Albuquerque

São Bernardo do Campo

Rox
37

Aventureiro e amante da natureza. Anseio grandes desafios, melhorar e aprender sempre. Insta: @semdestinoooo

Adventures Map

12 Following